Abrir menu principal
Jeúde
Província (satrapia) de Judá
Província[1] e Satrapia[2] do(a) Império Neobabilônico e Império Aquemênida, respectivamente.
 
539 a.C.-332 a.C.

Palestine under the Persians Smith 1915.jpg
Jeúde (em rosa) dentro do Império Aquemênida
Capital Jerusalém
Líder Sátrapa

Período Antiguidade
539 a.C. Conquista persa de Israel
332 a.C. Conquistas de Alexandre, o Grande


Jeúde (Yehud) ou Província de Jeúde (em aramaico: Yehud Medinata) foi uma província da Babilônia formada após a queda do Reino de Judá pelo Segundo Império Babilônico em 587-586 a.C., após a conquista da costa leste do mar Mediterrâneo.

O nome e o território desta província babilônica foi herdado para a satrapia formada pelos medo-persas ou aquemênidas, até estes caírem por volta de 332 a.C. perante Alexandre o Grande, findando assim um período de aproximadamente 250 anos.[3]

Referências

  1. Apenas no Império Neobabilônico
  2. Apenas no Império Aquemênida
  3. Arnold Toynbee, A Study of History, vol.12 (1961) Oxford University Press, 1964 pp.484-485 n.2
  Este artigo sobre judaísmo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.