Abrir menu principal
Jeúde
Província (satrapia) de Judá
Província[1] e Satrapia[2] do(a) Império Neobabilônico e Império Aquemênida, respectivamente.

539 a.C.-332 a.C.
Location of Yehud Medinata
Jeúde (em rosa) dentro do Império Aquemênida
Capital: Jerusalém
Governador: Sátrapa
Período : Antiguidade
 -  Conquista persa de Israel 539 a.C.
 -  Conquistas de Alexandre, o Grande 332 a.C.

Jeúde (Yehud) ou Província de Jeúde (em aramaico: Yehud Medinata) foi uma província da Babilônia formada após a queda do Reino de Judá pelo Segundo Império Babilônico em 587-586 a.C., após a conquista da costa leste do mar Mediterrâneo.

O nome e o território desta província babilônica foi herdado para a satrapia formada pelos medo-persas ou aquemênidas, até estes caírem por volta de 332 a.C. perante Alexandre o Grande, findando assim um período de aproximadamente 250 anos.[3]

Referências

  1. Apenas no Império Neobabilônico
  2. Apenas no Império Aquemênida
  3. Arnold Toynbee, A Study of History, vol.12 (1961) Oxford University Press, 1964 pp.484-485 n.2
  Este artigo sobre judaísmo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.