Abrir menu principal

No dias de DaviEditar

Por um período de tempo Ziclague ficou sob controle filisteu. Aquis, rei de Gate, deu-a ao fugitivo Davi[Nota 1] como lugar de morada.[2]

Os amalequitas atacaram e incendiaram a cidade, levando cativos, incluindo as esposas de Davi, Ainoã e Abigail. Depois de derrotar os incursores e recuperar os cativos, bem como as coisas tomadas, Davi, de Ziclague, enviou alguns dos despojos da batalha para seus amigos, anciãos de Judá em várias cidades.[3] Muitos homens poderosos, armados, juntaram-se a Davi em Ziclague, e foi ali que ele recebeu a notícia, 3 dias depois, da morte do Rei Saul.[4]

Localização atualEditar

Não se sabe ao certo a identificação atual do local onde ficava a antiga Ziclague. No entanto, alguns historiadores[5] preferem identificá-la com Tell esh-Shari'ah (Tel Sera'), a uns 7 quilômetros ao leste de Gerar e 22 quilômetros ao noroeste de Bersebá.

BibliografiaEditar

Notas e referências

Notas

  1. Davi ainda não era rei de Israel nesta época e sim um fugitivo da ira de Saul, o primeiro rei de Israel. Dali em diante, Ziclague tornou-se posse dos reis de Judá.

Referências