.22 Short

O .22 Short é uma variante do cartucho de fogo circular no calibre .22 (5,6 mm). Desenvolvido em 1857 para o primeiro revólver da Smith & Wesson, o Model 1, o .22 de fogo circular, foi o primeiro cartucho metálico Norte americano.[1]

O cartucho .22 Short.

CaracterísticasEditar

A carga original desse cartucho era um projétil de 1,879 ou 1,944 g (29 ou 30 gr) e 0,2592 g (4 gr) de pólvora. O cartucho ".22 de fogo central" foi renomeado para ".22 Short" com a introdução do .22 Long em 1871.[1]

Desenvolvido para autodefesa, o .22 Short moderno, apesar de continuar sendo usado em pistolas de bolso e minirevólveres, é mais utilizado como uma munição "silenciosa" na prática de tiro recreacional. O .22 Short era muito usado em estandes de tiro, feiras e jogos; vários fabricantes de rifles, produziram modelos de armas de salão exclusivamente para o .22 Short. Devido ao seu baixo recuo e boa precisão, o .22 Short foi usado na modalidade de "25m Pistola Tiro Rápido" nos Jogos Olímpicos até 2004, e eram permitidos na parte de tiro do pentatlo moderno antes que passassem a usar pistolas de ar comprimido.[1]

Vários fabricantes de pistolas de partida, usam cartuchos .22 Short de festim. Alguns "pinadores" acionados a pólvora, usam cartuchos .22 Short.[carece de fontes?]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c Barnes, Frank C. (2012). Cartridges of the World: A Complete Illustrated Reference for More Than 1,500 Cartridges. Iola, Wisconsin: Gun Digest Books. p. 493. ISBN 1-4402-3059-5 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre .22 Short
  Este artigo sobre munição é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.