Abrir menu principal

O 1.º governo do Regime Joanino, nomeado a 1 de Junho de 1823[1] e exonerado a 15 de Janeiro de 1825,[2] foi presidido por Manuel Inácio Martins Pamplona Corte Real (elevado à condição de Conde de Subserra ao iniciar funções), na qualidade de Ministro Assistente ao Despacho.[1]

Governos do Primeiro Liberalismo (Vintismo)
Coat of Arms of the Kingdom of Portugal (1640-1910).png

A sua constituição era a seguinte:[1][2]

Cargo Detentor Período
Ministro Assistente ao Despacho Conde de Subserra 1 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios do Reino
Joaquim Pedro Gomes de Oliveira 1 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Justiça
Manuel Marinho Falcão de Castro 1 de Junho de 1823 a 19 de Março de 1824
José António de Oliveira Leite de Barros 19 de Março de 1824 a 14 de Maio de 1824
D. Frei Patrício da Silva, arcebispo de Évora 14 de Maio de 1824 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Marinha
Conde de Subserra 1 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Fazenda
José Xavier Mouzinho da Silveira 1 de Junho de 1823 a 19 de Junho de 1823
Barão de Teixeira 19 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Guerra
Conde de Subserra 1 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios Estrangeiros
Conde de Palmela 1 de Junho de 1823 a 15 de Janeiro de 1825

GaleriaEditar

Referências

  1. a b c Suplemento ao Diário do Governo, n.º 129, 2 de Junho de 1823 (que pode ser consultado aqui).
  2. a b Maltez, José Adelino. «Governo de Palmela/Subserra (1823-1825)». Politipédia — Repertório Português de Ciência Política. Observatório Político. Consultado em 12 de Dezembro de 2015 
  Este artigo sobre História de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.