Abrir menu principal

AM-070

rodovia brasileira pertencente ao estado do Amazonas
Rodovia Manoel Urbano
Trecho da rodovia que antecede a Ponte Rio Negro sentido Manaus
Identificador  AM-070 
Tipo Estadual
Inauguração 31 de dezembro de 1965 (53 anos)
Extensão 93 km (61,5 mi)

A Rodovia Manoel Urbano (AM-070) é uma rodovia do estado do Amazonas. Tem 3 pontes, entre elas a Ponte Jornalista Phelippe Daou, em um total de 93 quilômetros de extensão, ligando Manaus à Iranduba e Manacapuru. A rodovia é fundamental na integração da Região Metropolitana de Manaus.[1][2]

HistóriaEditar

A Rodovia Manuel Urbano, inaugurada em 31 de dezembro de 1965, foi chamada de “Estrada da Juta”, devido à sua grande produção na região de Iranduba e Manacapuru encabeçada por produtores japoneses. As principais atividades produtivas deste primeiro momento de colonização foram as culturas permanentes de seringueiras, pimenta-do-reino, café, guaraná e frutíferas, e das culturas periódicas da banana, mandioca, arroz, abacaxi e hortaliças.[3]

DuplicaçãoEditar

O Governo do Amazonas, anunciara em janeiro de 2012, investimento na rodovia no sentido de duplicá-la. A primeira etapa da duplicação, onze quilômetros de extensão, foi entregue em agosto de 2015. Com início nas proximidades do Cacau Pirêra até a entrada da sede de Iranduba, onde fica o retorno que dá acesso ao município.[4][5]

A rodovia Manoel Urbano terá 78 quilômetros duplicados, contemplando trecho da cabeceira da Ponte Jornalista Phelippe Daou, em Iranduba, até Manacapuru. A obra inclui a construção de duas pistas com 7,10 m de largura, acostamento e drenagem de 2,30 m para cada lado, em uma largura total de 18,80 m, além da iluminação de toda a extensão da rodovia, a restauração com pintura, jateamento e a duplicação das pontes sobre o rio Miriti e o rio Ariaú .

O empreendimento é no valor de R$ 224 milhões, com financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e contrapartida do Governo do Estado.[6]

Referências

  1. «Mapa Multimodal do Amazonas 2013» (PDF) 
  2. «Google Maps». Google Maps. Consultado em 2 de fevereiro de 2018 
  3. «POLÍTICAS PÚBLICAS, URBANIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO NA AMAZÔNIA» (PDF). Universidade Federal do Amazonas. 23 de agosto de 2011. Consultado em 1 de fevereiro de 2018 
  4. «Governo do Amazonas apresenta projeto de duplicação da AM-070 em audiência pública em Iranduba». www.amazonas.am.gov.br. Consultado em 2 de fevereiro de 2018 
  5. «Primeiro trecho de duplicação da rodovia AM-070 é inaugurado». Amazonas. 21 de agosto de 2015 
  6. «Duplicação da AM-070 avança sobre a ponte do Ariaú e José Melo anuncia aceleração das obras». www.amazonas.am.gov.br. Consultado em 2 de fevereiro de 2018 

Ver tambémEditar