Abedalá ibne Abedal Motalibe

Abedalá ibne Abedal Motalibe (em árabe: عبدالله بن عبد المطلب; romaniz.: Abd-Allah ibn Abd al-Muṭṭalib; Meca, 545 - 570), foi o pai de Maomé. Era filho de Abedal Motalibe, guarda da Caaba, e marido de Amina binte Uabe, que lhe deu seu único filho. Morreu em uma viagem de caravana entre Medina e Meca, de uma doença desconhecida, com a idade de vinte e cinco anos.[1]

Abedalá ibne Abedal Motalibe
Nascimento 545
Meca
Morte 570
Medina
Sepultamento Jannatul Mualla
Etnia Árabes, Coraixitas, Haxemitas
Progenitores
Cônjuge Amina binte Uabe
Filho(s) Maomé, Muhammad in Islam
Irmão(s) Safiyyah bint ‘Abd al-Muttalib, Abas, Abu Talibe, Harith ibn ‘Abd al-Muttalib, Az-Zubayr ibn ‘Abd al-Muttalib, Hamza ibn ‘Abd al-Muttalib, Abu Lahab, Atika bint Abdul Muttalib, Barrah bint Abdul Muttalib, Umama bint Abdulmuttalib, Umm Hakim bint Abdul Muttalib, Arwa bint Abdul Muttalib, Al-Muqawwim ibn Abdul-muttalib, Al-Ghaydaq ibn Abdulmuttalib, Quthum ibn Abdul-Muttalib
Ocupação mercador

Seu nome completo, inclui o termo "Abedalá", que significa "servo de Deus".

Ver tambémEditar

Árvore genealógica[carece de fontes?]

Abedal Motalibe
Uabe ibne Abal Menafe
Barra binte Abedal Uza
Abdalá ibne Abedal Motalibe
Amina binte Uabe
Maomé

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 8 de janeiro de 2006. Arquivado do original em 23 de fevereiro de 2006 

Ligações externasEditar