Adam Gottlob Oehlenschläger

Adam Gottlob Oehlenschläger[1] (Copenhague, 14 de novembro de 1779 — ?, 20 de janeiro de 1850) foi um poeta e dramaturgo dinamarquês, celebrado como o introdutor do romantismo na literatura dinamarquesa.

Adam Gottlob Oehlenschläger
Nascimento 14 de novembro de 1779
Copenhaga
Morte 20 de janeiro de 1850 (70 anos)
Copenhaga
Cidadania Dinamarca
Progenitores
  • Joachim Conrad Oehlenschläger
Irmão(s) Sophie Ørsted
Alma mater
Ocupação poeta, dramaturgo, escritor, autobiógrafo, libretista, professor universitário, letrista
Prêmios
  • Ordem do Mérito para as Artes e Ciência
Empregador Universidade de Copenhague
Obras destacadas The golden horns, Der er et yndigt land, Aladdin
Movimento estético romantismo
Assinatura
Adam Oehlenschläger - signature.jpg


LegadoEditar

Adam Oehlenschläger foi um dos principais pioneiros do movimento romântico na Europa. Com exceção de Ludvig Holberg (1684-1754), nenhum escritor dinamarquês antes de 1870 exerceu uma influência tão ampla. Seu trabalho despertou em seus conterrâneos o entusiasmo pela poesia e religião de seus ancestrais. Ele forneceu a seus conterrâneos tragédias românticas em uma época em que todos os olhos estavam voltados para o palco. Suas peças cumpriam os requisitos do palco da época e eram populares além de todas as expectativas. Ele se apresentou a tal ponto que seu nome permanece até hoje sinônimo de romance escandinavo.[2]

Os primeiros são os melhores: a obra-prima dramática de Oehlenschlager foi sua primeira tragédia, Hakon Jarl. Embora sua inspiração tenha vindo da Alemanha, ele não se parece muito com um poeta alemão, exceto quando está seguindo Goethe conscientemente; sua analogia é mais encontrada entre os poetas ingleses do que entre seus contemporâneos.

BibliografiaEditar

  • Poemas de 1803 (publicado já em 1802)
  • Poetic Writings I-II (1805), contém i.a. Aladim
  • Poemas nórdicos (1807)
  • Helge (1814)
  • Os Deuses do Norte (1819)
  • Canção Patriótica (1819)
  • Sanct Hansaften-Spil (1ª edição, 2ª-10ª edição (1911-1957) - 2ª edição, 2ª-3ª edição (1964-1969)

Links externosEditar

Notas

  1. Diferentemente do que prescreve a escrita usual dinamarquesa, seu sobrenome é escrito com Oe e trema no a (ä), e não com Ø e æ.
  2. «Ludvig Holberg | lex.dk». Den Store Danske (em dinamarquês). Consultado em 21 de janeiro de 2021 

ReferênciaEditar

  • KOOGAN, Abrahão, e HOUAISS, Antônio. Enciclopédia e Dicionário Ilustrado Koogan Houaiss. Rio de Janeiro: Delta, 1995. p. 1411
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Adam Gottlob Oehlenschläger
  Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.