Abrir menu principal
Militante com a bandeira da Adbusters

Adbusters Media Foundation (também chamada de Adbusters ou de Media Foundation) é uma organização sem fins lucrativos, anticonsumista fundada em 1989 por Kalle Lasn e Bill Schmalz em Vancouver, Canadá. Eles se autodescrevem como "uma rede global de artistas, ativistas, escritores, estudantes, educadores e empresários que querem desenvolver um novo movimento ativista social da era da informação".[1]

A fundação publica Adbusters (ISSN 0847-9097), uma revista ativista mantida pelos leitores, com uma tiragem de 120.000 cópias, devotada a numerosas causas políticas e sociais, muitas da quais são de natureza anticonsumista. Adbusters também lançou diversas campanhas internacionais de publicidade social,[2] incluindo Buy Nothing Day[3][4] e TV Turnoff Week[5] e são conhecidos por seus "subvertisements" que parodiam propagandas populares.[6][7]

Adbusters possui afiliação com organizações irmãs tais como L'Association Résistance à l'Aggression Publicitaire na França, Adbusters Norge na Noruega, Adbusters Sverige na Suécia e Culture Jammers no Japão.[8][9]

Ligações externasEditar

Referências

  1. "About Adbusters Arquivado em 14 de maio de 2008, no Wayback Machine.". Adbusters.org. Acessado em 7 de Setembro de 2005.
  2. Patrick Collinson, Patrick (16 de novembro de 2002). «Drop the shops». The Guardian. Consultado em 20 de novembro de 2007 
  3. Mayfield, Kendra (21 de novembro de 2001). «On Friday, Stop 'Til You Drop». Wired. Consultado em 20 de novembro de 2007 
  4. Kahney, Leander (26 de novembro de 2002). «You Better Shop Around -- Not!». Wired. Consultado em 20 de novembro de 2007 
  5. Scott, Julia (25 de abril de 2005). «He doesn't like to watch». Salon. Consultado em 20 de novembro de 2007. Arquivado do original em 6 de março de 2008 
  6. «Canadian group practices the art of "subvertising"». PBS. Consultado em 20 de novembro de 2007 
  7. Nguyen, Tommy (4 de julho de 2004). «Red, White and Golden Arches: The Star-Spangled Banner Ad». Washington Post. Consultado em 20 de novembro de 2007 
  8. bndjapan.org
  9. «adbusters.cool.ne.jp». Consultado em 10 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 29 de maio de 2012