Adolfo Norberto Lopes

jornalista português
Adolfo Norberto Lopes
Nascimento 30 de setembro de 1900
Vimioso
Morte 25 de agosto de 1989 (88 anos)
Linda-a-Velha
Cidadania Portugal
Ocupação jornalista, escritor
Prêmios Grande-Oficial da Ordem da Liberdade

Adolfo Norberto Lopes (Vimioso, 30 de setembro de 1900Linda-a-Velha, 25 de agosto de 1989), mais conhecido por Norberto Lopes, foi um jornalista e escritor português. Tem uma biblioteca com o seu nome em Vimioso.

BiografiaEditar

Licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa, em 1917, dedicou-se ao jornalismo e à escrita.

Começou a sua atividade profissional no jornal O Século.

Em 1921 fundou, juntamente com Pinto Quartim, o jornal Última Hora, de publicação efémera (16 de fevereiro de 1921 a 3 de março de 1921).[1] Também se encontra colaboração da sua autoria na revista O domingo ilustrado[2] (1925-1927) e no Boletim do Sindicato Nacional dos Jornalistas [3] (1941-1945).

Entra para a redação do Diário de Lisboa, onde desenvolve a sua atividade jornalística, e de que foi diretor entre 1956 e 1967.[4]

Em 1967 é um dos fundadores do diário vespertino A Capital[5], que dirige até 1970.[6]

A 14 de abril de 1982, foi agraciado com o grau de Grande-Oficial da Ordem da Liberdade.[7]

Algumas obrasEditar

  • A Filha de Lázaro (1922)
  • O Crime de Augusto Gomes (com Artur Portela) (1924)
  • A Cruz de Brilhantes (1923)
  • O Cruzeiro do Sul (1923)
  • Exilado de Bougie (1942)
  • Perfil de Teixeira Gomes (1942)
  • Emigrantes (1964)
  • Visado pela Censura: A Imprensa, Figuras, Evocações da Ditadura à Democracia (1975)
  • Sarmento Pimentel ou uma Geração Traída: Diálogos com o Capitão Sarmento Pimentel (1976)
  • Alexandre Ferreira, no Centenário do seu Nascimento (1977)
  • A Magnífica aventura de Gago Coutinho e Sacadura Cabral (1978)
  • Perfil do Jornalista Joaquim Manso (1979)
  • A Posição Espiritual de Guerra Junqueiro (1980)
  • A Crise do Livro em Portugal (1982)

Notas

  1. Lemos 2006, pp. 599
  2. [http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/OBRAS/DOMINGOILUSTRADO/DomingoIlustrado.htm O domingo ilustrado : noticias & actualidades graficas, teatros, sports & aventuras, consultorios & utilidades (1925-1927) [cópia digital, Hemeroteca Digital
  3. Rita Correia (30 de julho de 2019). «Ficha histórica:Boletim do Sindicato Nacional dos Jornalistas (1941-1945)» (PDF). Hemeroteca Municipal de Lisboa. Consultado em 3 de outubro de 2019 
  4. Lemos 2006, pp. 256-260
  5. [http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/Periodicos/Capital/ACapital.htm A Capital (1968-2005) [cópia digital, Hemeroteca Digital- 25 e 26 Abril 1974
  6. Lemos 2006, pp. 160-164
  7. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Adolfo Norberto Lopes". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 19 de julho de 2019 

BibliografiaEditar

  • Lemos, Mário Matos e (2006). Jornais Diários Portugueses do Século XX: um Dicionário. Coimbra: Ariadne Editora, Lda. e CEIS20. ISBN 972-8838-35-5 Verifique |isbn= (ajuda) 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.