Abrir menu principal
Ahuna Mons. Imagem obtida por Dawn de 385 km acima em dezembro de 2015.

A Ahuna Mons é a maior montanha do planeta anão Ceres. Sua natureza é desconhecida: a montanha é incomum para seu tamanho e localização em uma superfície de outra forma relativamente plana, e os cientistas planetários têm expressado sua "total surpresa" na configuração do pico "único". Ela não é uma característica de impacto, e parece ser a única montanha de seu tipo em Ceres. Raias brilhantes correm de cima para baixo em suas encostas; estas faixas são consideradas ​​para ser sal, semelhante as mais conhecidas manchas brilhantes de Ceres,[1] e provavelmente resultou de atividade criovulcânica do interior de Ceres.[2] a montanha foi nomeada devido ao tradicional festival pós-colheita Ahuna dos Sumi Naga pessoas de Índia.

Esta montanha tem cerca de 6 quilômetros de altura[3] e 15 km de largura na base.[4]

Índice

DescobertaEditar

Uma imagem obtida pela sonda Dawn em órbita ao redor de Ceres em 6 de junho de 2015 mostrou claramente a grande montanha, aparentemente pela primeira vez.[5] No entanto, as imagens anteriores feita pela Dawn enquanto se aproxima de Ceres, incluindo uma de 19 de fevereiro de 2015, também mostram a montanha, embora pouco clara e quase indecifrável.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Ceres' Mysterious Bright Spots Aren't Made of Ice After All» (em inglês). Gizmodo. Consultado em 4 de abril de 2016 
  2. «Deep freeze puts the squeeze on dwarf planet Ceres» (em inglês). Universidade do Estado de Arizona. Consultado em 4 de abril de 2016 
  3. «Tall Mountain: Enhanced View» (em inglês). NASA. Consultado em 4 de abril de 2016 
  4. «Great Pyramid' spotted on Ceres by NASA's Dawn spacecraft» (em inglês). The Weather Network. Consultado em 4 de abril de 2016 
  5. «NASA spies 3-mile-tall 'pyramid,' more bright spots on Ceres» (em inglês). Cnet. Consultado em 9 de julho de 2015 

Ligações externasEditar