Abrir menu principal

Anastácio I de Jerusalém foi o patriarca de Jerusalém entre 458 e 478 d.C. Durante o seu patriarcado, ele conduziu, em 473, o funeral de Santo Eutímio, um monge do mosteiro de São Teoctisto na Palestina. Anastácio esperou o dia todo para que os monges e a população de Jerusalém pudessem se despedir do santo antes de terminar o funeral.

Sabe-se que quando Basilisco se revoltou contra o imperador bizantino Zenão I, este requisitou que todos os bispos assinassem reafirmações sobre as resoluções do Concílio de Calcedônia. Porém, instado por monges em sua diocese, Anastácio se recusou a fazê-lo, o que pode ser um indício de que ele seria um monofisita.[1]

Ver tambémEditar

Anastácio I de Jerusalém
(458 - 478)
Precedido por:  
Lista sucessória dos patriarcas de Jerusalém
Sucedido por:
Juvenal 44.º Martírio


Referências

  1. «A História da Igreja de Jerusalém» (em inglês). More Who is Who. Consultado em 26 de maio de 2012 

Ligações externasEditar