Abrir menu principal

Angeja

vila e freguesia de Albergaria-a-Velha, Portugal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Portugal Portugal Angeja 
  Freguesia  
Bandeira de Angeja
Bandeira
Brasão de armas de Angeja
Brasão de armas
Localização no concelho de Albergaria-a-Velha
Localização no concelho de Albergaria-a-Velha
Angeja está localizado em: Portugal Continental
Angeja
Localização de Angeja em Portugal
Coordenadas 40° 41' N 8° 33' O
País Portugal Portugal
Concelho ABV.png Albergaria-a-Velha
Fundação 1849
Administração
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente António Nunes de Almeida (PPD/PSD)
Área
- Total 21,25 km²
População (2011)
 - Total 2 073
    • Densidade 97,6 hab./km²
Gentílico Angejense
Código postal 3850
Orago Senhora das Neves
Website www.jf-angeja.pt
geral@jf-angeja.pt

Angeja é uma freguesia portuguesa do concelho de Albergaria-a-Velha, com 21,25 km² de área e 2 073 habitantes (2011). A sua densidade populacional é 97,6 hab/km².

Tem estatuto de Vila desde 15 de Agosto de 1514, com renovação em 20 de Junho de 1991.

Foi sede de concelho de 1514 até 1853, quando o município foi extinto e a freguesia integrada no concelho vizinho de Albergaria-a-Velha.

Índice

DescriçãoEditar

Freguesia ribeirinha banhada a poente pelo rio Vouga, em cujas margens se pratica uma agricultura e pecuária essencial e muito dominante no seu aproveitamento.

Apresenta na sua urbe características próprias de um aglomerado medieval. As ruas são estreitas e calcetadas e dentro da urbanização encontramos um conjunto de casas típicas de uma época antiga.

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Angeja [1]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
2.125 2.234 1.989 2.023 2.161 2.032 1.968 2.086 2.072 1.957 1.977 2.315 1.288 2.320 2.073
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 377 321 1 180 442 16,3% 13,8% 50,9% 19,1%
2011 254 239 1 103 477 12,3% 11,5% 53,2% 23,0%

HistóriaEditar

Da presença dos gregos e fenícios tem-se conjecturado tal como a presença romana. Pelo ano de 1166 surge a primeira referência a "ANSEGIA".

Angeja obteve foral de D. Manuel I em 15 de Agosto de 1514. Este foral trata das seguintes terras: Assequins, Bemposta, Branca, Canelas, Casais de Grijó, Casais do Ribeiro, Contumil, Devesa, Fermelã, Figueiredo, Fonte Chã, Pinheiro, Salreu e Santiães.

No início fazia parte das Terras de Santa Maria (ou vulgarmente Terras da Feira) por isso o brasão de Angeja tem as armas das Terras de Santa Maria.

A antiga vila de Angeja e freguesia de Nossa Senhora das Neves era curato da apresentação do vigário de S. Miguel de Fermelã, passando mais tarde a reitoria e depois a priorado.

Os Marqueses de Angeja, sem nunca permanecerem por aqui, tinham um procurador que recebia os rendimentos que eram resultado da benesse régia.

Por aqui passaram e permaneceram os franceses que deixaram rasto de destruição. As revoltas nacionais da restauração e instauração do liberalismo também foram bastante acentuadas.

Após esse período de instabilidade política (1834-1837) permaneceu como concelho até 1853 ano em que foi extinto e integrado no de Albergaria-a-Velha, conjuntamente com Frossos.

Em 20 de Junho de 1991 foi reforçado o seu antigo estatuto de Vila.

PatrimónioEditar

A Igreja Matriz, dedicada a Senhora das Neves, embora alterada é do século XVII, possuindo retábulos barrocos, talha dourada de grande qualidade e escultura do século XV na frontaria.

De salientar também as capelas de do Espírito Santo (Rua do Espírito Santo), capela do Mártir S. Sebastião (Rua da Pereira), capela de S. Gregório (Rua da Pereira), capela da Senhora do Carmo (Fontão) e Capela do Cabecinho (Cabecinho).

Património NaturalEditar

Nas margens do Rio Vouga, destacam-se os lugares de Cabecinho e Fontão. Aconselha-se uma visita aos moinhos do Fontão e Cabecinho.

Festas e RomariasEditar

  • Último fim de semana do mês julho: Festival Folclore do Rancho Folclórico Casa do Povo de Angeja.
  • 1º fim de semana posterior ao dia 5 de agosto: Festa da padroeira, Nossa Senhora das Neves.
  • 2º fim de semana posterior ao dia 5 de agosto: Festa do Cabecinho (inserido nas festividades da Nossa Senhora das Neves).
  • 15 Agosto: Festival de Folclore do Grupo Folclórico As Lavadeiras do Vouga.
  • 2º fim de semana de setembro: Aniversário da Associação de Instrução e Recrio Angejense.

GastronomiaEditar

Leitão assado, rojões, enguias e pão do Fontão

Ver tambémEditar

Referências

  1. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes

Ligações externasEditar