António José Fernandes de Sousa

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o economista português. Para outros significados, veja António de Sousa (desambiguação).
António José Fernandes de Sousa
Nascimento 18 de fevereiro de 1955 (65 anos)
Lisboa
Cidadania Portugal
Ocupação economista

António José Fernandes de Sousa (Lisboa, São Jorge de Arroios, 18 de fevereiro de 1955) é um economista português.

BiografiaEditar

Licenciado em Administração e Gestão de Empresas pela Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais (hoje Católica Lisbon School of Business & Economics) da Universidade Católica Portuguesa em 1977, em 1983 fez o doutoramento em Gestão de Empresas pela Wharton School, da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos.[1]

Foi professor na Universidade Católica Portuguesa de 1975 a 1991, tendo sido diretor do Departamento de Gestão da Faculdade de Ciências Humanas e membro do seu Conselho Superior de 1986 a 1992. Entre 1986 e 1987 foi Administrador do IPE (Investimentos e Participações do Estado). De 1987 a 1989 foi Secretário de Estado da Indústria, e de 1989 a 1991 Administrador do Banco Totta & Açores. Foi Secretário de Estado-Adjunto e do Comércio Externo, entre 1991 e 1993, e Secretário de Estado-Adjunto e das Finanças, de 1993 a 1994. De março de 2000 a setembro de 2004 foi presidente do Conselho de Administração da Caixa Geral de Depósitos.[1]

Enquanto 14.º governador do Banco de Portugal, entre Junho de 1994 e Fevereiro de 2000, preparou a adesão ao euro e controlou a inflação. É membro do Conselho Consultivo do Banco de Portugal.[1]

Referências

  1. a b c Banco de Portugal. «Antigos Governadores do Banco de Portugal». Consultado em 24 de Novembro de 2014. Arquivado do original em 30 de abril de 2015 

Ligações externasEditar

Precedido por
Luís Miguel Couceiro Pizarro Beleza
Governadores do Banco de Portugal
Junho de 1992 – Fevereiro de 2000
Sucedido por
Vítor Manuel Ribeiro Constâncio
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.