Abrir menu principal

Apúlia e Calábria

Provincia Apulia et Calabria
Província da Apúlia e Calábria
Província do(a) República Romana e Império Romano
Séc. III a.C.—Séc. VII d.C.?

Shepherd-c-030-031.jpg
Regiões augustas no sul da Itália, inclusive a Apúlia e Calábria.
Capital Canúsio
Líder Corrector

Período Antiguidade Clássica e Antiguidade Tardia
Séc. III a.C. Anexada pela República Romana
c. 284 Subordinada à Diocese da Itália Suburbicária.
Séc. VII d.C.? ?

Apúlia e Calábria (em latim: Apulia et Calabria) era o nome da segunda das regiões criadas pelo imperador romano Augusto (r. 27 a.C.14 d.C.) na Itália, conhecida também como II Região (Regio II). Sua capital provavelmente era Canúsio (Canosa di Puglia)[1].

NomeEditar

Como no caso das demais regiões augustas, a II região só recebeu recentemente o nome de Apúlia e Calábria no jargão acadêmico, uma referência ao muntibus Calabri histórica (o território que corresponde às modernas regiões da Múrgia, Vale da Ítria e Salento) e aos territórios dos dáunios e peucécios reunidos sob o nome de Apúlia. A região incluía ainda a região samnita da Hirpínia.

TerritórioEditar

O território compreendia as regiões modernas da Apúlia, a porção oriental da Basilicata e a província de Avellino.

Depois de termos descrito a Itália até Metaponto, é preciso falar das regiões seguintes. A primeira é a Iapígia: os gregos a chamam de Messápia enquanto que os nativos separam-na em Salento (a porção à volta do promontório de Iapígio) e a Calábria. Ao norte dali, os habitantes são chamados em grego de peucezos (peucezi) e dáunos (dauni), mas os nativos chamam de Apúlia a região toda depois da Calábria e de apúlios seus habitantes.

CidadesEditar

Referências

  1. Giuliano Volpe, Contadini, pastori e mercanti nell'Apulia tardoantica, Edipuglia, Bari, 1996, ISBN 9788872281659, pagg. 36-41.