Arquivo Histórico de Porto Alegre Moysés Vellinho

Arquivo Histórico de Porto Alegre Moysés Vellinho é um arquivo público localizado no bairro Partenon, em Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul. É o local onde está armazenado o patrimônio documental da cidade, à disposição do público[1]. Foi criado oficialmente em 1988, e é vinculado a Secretaria Municipal de Cultura.

HistóricoEditar

O conjunto de casas que formam o arquivo histórico são duas construções residenciais do final do século XIX, sedes de uma antiga chácara, no eixo a partir do qual se formou o bairro Partenon[2]. A partir de 1929 tornaram-se prédios escolares e instalaram-se ali instituições de ensino, entre elas a Escola Apelles Porto Alegre. Em 1994, a primeira fase das obras de restauração e reciclagem foi concluída, com a entrega de uma das casas, destinada especialmente a abrigar o acervo do arquivo histórico. A construção de um anexo para abrigar documentos foi finalizada em 1999 e, em 2002, foi concluída a restauração da segunda casa, transformada em centro cultural, com sala de exposições e auditório que podem ser utilizados pela comunidade.

Recebeu o nome atual em 1989, por indicação da Câmara Municipal, em homenagem ao escritor e historiador gaúcho Moysés Vellinho.

AcervoEditar

O acervo do arquivo histórico abrange história, geografia, arquitetura e legislação. Possui documentos datados de 1764, que registram a formação da cidade, jornais e revistas que relatam seu cotidiano, além de relatórios, projetos, mapas, plantas e correspondências que mostram a política das administrações municipais.

Também realiza projetos de educação patrimonial, ensinando às crianças e jovens a importância da conservação de documentos.

Os principais periódicos no acervo são:[3]

Revistas
Jornais
  • Americano (1842 – 1843)
  • Coojornal (1977 – 1982)
  • Correio do Povo]] (1925 – )
  • Diário de Notícias (1930 – 1936)
  • Diário do Sul (1986 – 1988)
  • Diário Oficial de Porto Alegre (1979 – 2004)
  • Estado do Rio Grande do Sul (1930 – 1932)
  • Estrela do Sul (1843)
  • A Federação (1892 – 1937)
  • Gazeta do Comércio (1902 – 1903)
  • A Gazetinha (1891 – 1898)
  • O Independente (1900 – 1919)
  • Jornal da Manhã (1930 – 1937)
  • Jornal do Commércio (1867 – 1868)
  • Jornal do Estado (1937 – 1939)
  • O Povo (1839 – 1840)
  • O Povo Piratini (1838 – 1839)
  • O Mensageiro (1835 – 1836)
  • O Rio Grande (1979)
  • A Voz do Escravo (1881)

Ver tambémEditar

Referências

BibliografiaEditar

  • Guia Arquivo Histórico de Porto Alegre Moysés Vellinho / [texto e pesquisa: 2. ed. Juliana Gehlen]. – 2. ed. rev. e ampl. – Porto Alegre : AHPAMV, 2009. 128 p. ; 15x21 cm [1]

Ligações externasEditar