Revista do Globo

A Revista do Globo foi um periódico ilustrado brasileiro editado quinzenalmente pela Livraria do Globo em Porto Alegre entre 1929 e 1967.

Capa da Revista do Globo, ano IV nº 7, de 1932, com ilustração de Francis Pelichek.

HistóriaEditar

Sua criação aconteceu após sugestão de Getúlio Vargas, então Presidente do Estado, servindo ao longo da primeira década de existência como um de seus porta-vozes e como importante divulgador de cultura no Rio Grande do Sul e também no Brasil. A revista trazia matérias sobre variedades locais, nacionais e internacionais, divididas nas seções O Globo em Revista, Vida Literária, Belas Artes, Vida Social, Cineglobo e um espaço para atualidades esportivas. Publicava colunas de escritores como Theodomiro Tostes, Moysés Vellinho, Augusto Meyer, Mário Quintana, Raul Bopp, Viana Moog, Herbert Caro e Erico Verissimo, e a fartura de ilustrações de alto nível contribuiu para o sucesso da publicação. Dentre os seus ilustradores estavam nomes importantes para as artes plásticas riograndenses, como Sotero Cosme, Ernest Zeuner, Edgar Koetz, João Fahrion e Francis Pelichek, que através de suas imagens deram impulso significativo para a difusão do Modernismo no sul.

O período em que esteve sob a supervisão de Mansueto Bernardi e depois Erico Verissimo - até 1939 - é considerado sua fase áurea. O editorial da primeira edição trazia uma declaração de propósitos, onde se lia:

"Revista do Globo, porque se propõe registrar e divulgar, com o auxílio da Livraria do Globo, tudo o que no Rio Grande houver e doravante ocorrer digno de registro e divulgação. E ainda Revista do Globo porque deseja constituir uma ponte de ligação mental e social entre o Rio Grande e o resto do mundo.

Depois, na década de 1940, com a modernização da imprensa, as ilustrações passaram a ceder espaço para fotografias e a revista perdeu muito de seu caráter literário e cultural. Na década de 1960 a decadência já era visível, face à competição de veículos mais atraentes visual e economicamente. A publicação foi interrompida em 1967, tendo contabilizado 944 edições.

Referências

  • Mostra Revista do Globo 1929 - 1939. Exposição virtual. Ex-Libris

Ver tambémEditar