Atlético Español Fútbol Club

O Atlético Español Fútbol Club, mais conhecido como Atlético Español, foi uma equipe de futebol mexicana fundada em 22 de outubro de 1971 e disputou diversas temporadas na Primera División do México. Teve como sede a Ciudad de México e jogava no Estadio Azteca. Em 1982, mudou de nome para o atual Necaxa. Este, atualmente joga a primeira divisão mexicana (Liga MX) e conquistou duas vezes, além de ter partiicpado do Mundial de Clubes da FIFA de 2000, alcançando o terceiro lugar, tendo como sede a cidade de Aguascalientes. [1]

Atlético Español
Atlético Español.png
Nome Atlético Español Fútbol Club
Alcunhas Toros (Touros)
Españoles (espanhóis)
Fundação 1 de janeiro de 1905 (117 anos)
Estádio Estadio Azteca
Capacidade 100000
Localização Cidade do México, México
Competição Liga MX
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

Era o time de coração do ator Ramón Valdés.[2]

HistóriaEditar

O Atlético Español Fútbol Club foi fundado em 22 de outubro de 1971 quando um grupo de empresários espanhóis decidiram comprar a franquia do Necaxa e mudar seu nome para Atlético Español. Esta equipe receberia a alcunha de Toros pois no novo escudo criado havia um touro em movimento, junto a uma bola de futebol,e as iniciais AE.[3]

Primeira temporada e luta contra o descensoEditar

O Español se caracterizou por ser uma equipe de garra e lutadora, mas seu início não foi o ideal, já que na temporada 1971-72 esteve a apenas 1 ponto de ser o último colocado de seu grupo e entrar na liguilla contra o rebaixamento com Torreón, Irapuato e Veracruz, no qual ganharia suas partidas para permanência na divisão principal, graças aos gols de Ricardo Brandón e José Luis Rosete, terminando com o rebaixamento do Irapuato. [4]

Equipe protagonista nas temporadas seguintesEditar

A partir desse momento, as temporadas que se seguiram foram muito boas para o Atlético Español. Em 1972-73, chegou até as semifinais, perdendo por 5-4 nos pênaltis em um terceiro jogo de desempate contra o León.

Na temporada 1973-74, chegaria à final do torneio contra o Cruz Azul, uma das maiores equipes do México. Os jogos terminaram com vitória por 2-1 e derrota por 0-3, o que culminou no vice-campeonato da liga.

Em 1975, ganharia seu primeiro e único título internacional, ao disputar a Copa dos Campeões da CONCACAF de 1975, disputando a final contra o Transvaal do Suriname, superando-o com um placar agregado de 5 a 1.

Por consequência deste tíulo, disputou a Copa Interamericana de 1976 contra o Independiente da Argentina. Ambas as partidas foram jogadas em Buenos Aires, e após um empate no resultado agregado em 2-2, o Independiente conquistou o título por 4-2 nos pênaltis. [5]

Na temporada de 1980-81 disputou uma nova liguilla ficando em 4º num grupo liderado pelo Cruz Azul, que perderia a final perante o Pumas UNAM. Para 1981-82, disputou sua última liguilla chegando às quartas de final contra o Atlante, nas quais perderia de 5-3 no agregado. [4]

Volta às origensEditar

Após 11 anos sendo Atlético Español, a direção do clube decide retomar as cores e o nome do Necaxa, esperando reviver a tradição e recuperar os torcedores que havia perdido. Em 21 de julho de 1982 se registra a mudança de nome. Os resultados não foram os esperados, já que a torcida já havia esquecido o Necaxa, e a equipe estava afundada nas últimas posições das tabelas gerais anuais. [6]

JogadoresEditar

Alguns jogadores de destaqueEditar

  • Goleiros:

Julio Aguilar, Román Sánchez, Moises Camacho.

  • Defensores:

Alejandro Gil Bretón (Capitão), Jesús Rico, Nacho Ramirez Izarraraz, Luis Fernando Tena, Francisco Montes.

  • Meio-campistas:

Alfredo Navarrete, Abayubá Ibañez, Tomás Boy, Pío Tabaré Gonzalez, Dante Juárez.

  • Atacantes:

Juan Manuel Borbolla, Juan Jose Muñante, Carlos Eloir Perucci, Jose Enrique Vaca, Antonio Alonso, Jan Banas, Sergio Acuña.

EstatísticasEditar

Estes são os números gerais do Atlético Español na Liga MX:

J V E D GP GC Pts SG
429 148 134 147 588 586 430 2

Na Copa México:

J V E D GP GC Pts SG
30 15 4 11 62 50 34 12
  • JJ - Jogos
  • V - Vitórias
  • E - Empates
  • D - Derrotas
  • GP - Gols a favor
  • GC - Gols contra
  • Pts - Pontos
  • SG - Saldo de gols

TítulosEditar

CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
  Liga dos Campeões da CONCACAF 1 1975
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
  Vice do Campeonato Mexicano 1 1973-74

Referências

  Este artigo sobre futebol mexicano é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.