Atletismo nos Jogos Paralímpicos de Verão de 2008

Atletismo nos
Jogos Paraolímpicos de Verão de 2008
Provas de pista
100m masc fem
200m masc fem
400m masc fem
800m masc fem
1.500m masc fem
5.000m masc fem
10.000m masc
Revezamento 4×100m masc fem
Revezamento 4×400m masc
Provas de estrada
Maratona masc fem
Provas de campo
Salto em distância masc fem
Salto triplo masc
Salto em altura masc
Arremesso de peso masc fem
Arremesso de disco masc fem
Lançamento de dardo masc fem
Arremesso de martelo masc
Provas combinadas
Heptatlo masc

O Atletismo dos Jogos Paraolímpicos de Verão de 2008 será disputado entre 8 de setembro e 17 de setembro. As competições serão realizadas no Estádio Nacional de Pequim, em Pequim, na China.

CalendárioEditar

Setembro 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17
Atletismo 10 20 17 10 16 20 18 19 25 5
       Dia de competição        Dia de final

EventosEditar

PistaEditar

As provas de pista do atletismo paraolímpico são divididas em provas rasas (100m, 200m e 400m), meio-fundo (800m e 1500m) e fundo (5000m e 10000m) e revezamentos (4x100m e 4x400m).

EstradaEditar

As provas de estrada são Maratona para os homens e mulheres.

CampoEditar

As provas de campo são: salto em distância, salto triplo, salto em altura arremesso de peso, arremesso de disco, lançamento de dardo e arremesso de martelo (todas com provas para homens e para mulheres)

CombinadasEditar

Uma prova combinada é disputada nos Jogos: para os homens, o Heptatlo (que reúne 100m com barreiras, salto em altura, arremesse de peso, 200m, salto em distância, lançamento de dardo e 800m).

QualificaçãoEditar

Classe funcionalEditar

A classe funcional do atleta após a classificação é importante pois permite competir numa situação justa. Nos Jogos Paraolímpicos de Verão de 2008 a modalidade foi dividida em seis classes de portadores de necessidades: um para diferentes níveis de deficiência visual (11 a 13), um para atletas com deficiência intelectual (20), um para diferentes níveis de paralisia cerebral (cadeirantes e ambulantes) (31 - 38), um que abrangem atletas ambulantes com diferentes níveis de amputação ou outras deficiências (41 - 46) e a última classe que abrange atletas cadeirantes com diferentes níveis de lesão medular e amputações (51 - 58). Alguns competem em cadeira de rodas, outros com próteses e com deficiência visual total ou parcial participam com um guia vidente.

MedalhistasEditar

 Ordem  País        
1   China (CHN) 31 28 18 77
2   Austrália (AUS) 10 9 7 26
3   África do Sul (RSA) 10 2 4 16
4   Canadá (CAN) 10 1 8 19
5   Estados Unidos (USA) 9 14 5 28
6   Tunísia (TUN) 9 9 3 21
7   Ucrânia (UKR) 9 7 8 24
8   Alemanha (GER) 5 9 7 21
9   Quênia (KEN) 5 3 1 9
10   Brasil (BRA) 4 4 7 15
11   Cuba (CUB) 4 3 4 11
12   Marrocos (MAR) 4 1 3 7
13   Rússia (RUS) 3 7 6 16
14   França (FRA) 3 5 6 14
15   México (MEX) 3 1 3 7
16   Croácia (CRO) 3 1 0 4
17   Irlanda (IRL) 3 0 0 3
18   Grã-Bretanha (GBR) 2 7 8 17
19   Japão (JPN) 2 7 3 12
20   Argélia (ALG) 2 3 7 12
21   Irã (IRI) 2 3 1 6
22   Finlândia (FIN) 2 1 1 4
23   Áustria (AUT) 2 1 0 3
24   Nigéria (NGR) 2 1 0 3
25   Tailândia (THA) 2 5 4 11
26   Polônia (POL) 2 4 6 12
27   Grécia (GRE) 1 2 7 10
28   Suíça (SUI) 1 2 5 8
29   Bielorrússia (BLR) 1 2 0 3
29   Letônia (LAT) 1 2 0 3
29   Países Baixos (NED) 1 2 0 3
32   Espanha (ESP) 1 1 5 4
33   Azerbaijão (AZE) 1 1 4 6
34   Dinamarca (DEN) 1 1 0 2
34   Arábia Saudita (KSA) 1 1 0 2
35   República Checa (CZE) 1 0 8 9
36   Coreia do Sul (KOR) 1 0 3 4
37   Hong Kong (HKG) 1 0 1 2
38   Angola (ANG) 0 3 0 3
39   Chipre (CYP) 0 2 0 2
40   Argentina (ARG) 0 1 1 1
40   Bulgária (BUL) 0 1 1 1
40   Egito (EGY) 0 1 1 1
40   Venezuela (VEN) 0 1 1 1
45   Colômbia (COL) 0 1 0 1
45   Jordânia (JOR) 0 1 0 1
45   Lituânia (LTU) 0 1 0 1
45   Nova Zelândia (NZL) 0 1 0 1
45   Paquistão (PAK) 0 1 0 1
45   Papua-Nova Guiné (PNG) 0 1 0 1
45   Portugal (POR) 0 1 0 1
45   Eslovênia (SLO) 0 1 0 1
45   Sérvia (SRB) 0 1 0 1
54   Itália (ITA) 0 0 1 1
54   Jamaica (JAM) 0 0 1 1
54   Namíbia (NAM) 0 0 1 1
Total 160 160 160 480

Ligações externasEditar