Abrir menu principal

Bahadur Xá de Guzarate

(Redirecionado de Bádur Xá de Guzarate)
Morte do Sultão Badur diante de Diu contra os portugueses (Akbar Nama, fins do século XVI).

Bahadur Xá[1], Badur Xá,[2] ou Baadur Xá[3] (governou entre 1526 e 1535 e, novamente, entre 1536 e 1537) foi sultão de Guzarate, na época um reino independente e actualmente um estado da Índia.

Durante o seu reinado, Guzarate esteve sob pressão de um Império Mogol em expansão, sob o domínio dos imperadores Babur (falecido em 1530) e Humayun (1530-1540), e dos portugueses que estavam a fortificar posições ao longo da costa de Guzarate, expandindo o seu poder na Índia a partir de Goa.

Em 1535, Guzarate foi ocupada pelos mogóis e Bahadur Xá foi forçado a firmar uma aliança com os portugueses - o Tratado de Baçaim- para recuperar o seu país, cedendo em troca Damão, Diu, Bombaim e Baçaim. Acabou por ser assassinado aquando de uma visita a um navio português ancorado na costa de Guzarate[4].

O sultão Bahadur Xá foi um grande mecenas que apoiou o desenvolvimento da música clássica indiana e a actividade de cantores como Baiju Bawra, entre outros.

Referências

  1. Saldanha, Manoel José Gabriel; Carvalho, Jeremias Xavier de (1979). História de Goa, Volume 1. [S.l.]: Arcadia Oriente e Ocidente de Goa. p. 59 
  2. Grande enciclopédia portuguesa e brasileira. 30. [S.l.]: Editorial Enciclopédia 
  3. Grande enciclopédia portuguesa e brasileira. 37. [S.l.]: Editorial Enciclopédia 
  4. Sarina Singh, India, Lonely Planet, 2003, 726 pp. ISBN 1-74059-421-5

BibliografiaEditar

  • Fernão Lopes de Castanheda. História do Descobrimento e Conquista da Índia pelos Portugueses. Lisboa, 1833.
  • M. S. Comissariat. History of Gujarat. Londres, 1928; reedição Bombaim, 1957.