Batalha das Ilhas Santa Cruz

A Batalha das Ilhas Santa Cruz foi uma batalha aeronaval da Guerra do Pacífico durante a Segunda Guerra Mundial, que se realizou entre o meio-dia de 25 e 27 de outubro de 1942 entre Guadalcanal e as Ilhas Santa Cruz, um grupo de ilhas pertencentes ao arquipélago das ilhas Salomão, que se encontra a 400 quilómetros a sudeste do arquipélago principal.

Batalha das Ilhas Santa Cruz
Parte da Batalha de Guadalcanal na Segunda Guerra Mundial
USS Enterprise (CV-6) under attack by dive bombers during the Battle of Santa Cruz Islands on 26 October 1942 (80-G-20989).jpg
O USS Enterprise sob ataque de bombardeiros de mergulho
Data 25 a 27 de outubro de 1942
Local Ilhas Santa Cruz, Ilhas Salomão
Desfecho Vitória japonesa
Beligerantes
 Estados Unidos  Japão
Comandantes
William Halsey
Thomas C. Kinkaid
George D. Murray
Charles P. Mason
Nobutake Kondō
Chūichi Nagumo
Hiroaki Abe
Kakuji Kakuta
Forças
2 porta-aviões
1 couraçado
3 cruzadores pesados
3 cruzadores rápidos
12 contratorpedeiros
136 aeronaves
3 porta-aviões
1 porta-aviões rápido
4 couraçados
8 cruzadores pesados
2 cruzadores rápidos
25 contratorpedeiros
199 aeronaves
Baixas
1 porta-aviões afundado
1 contratorpedeiro afundado
1 porta-aviões danificado
1 couraçado danificado
1 cruzador rápido danificado
2 contratorpedeiros danificados
81 aeronaves abatidas
266 mortos
1 porta-aviões danificado
1 porta-aviões rápido danificado
1 cruzador pesado danificado
1 contratorpedeiro danificado
99 aeronaves abatidas
400 a 500 mortos

Nesta batalha defrontaram-se a Marinha Imperial Japonesa e a Marinha dos Estados Unidos, e inscreve-se no conjunto de combates entre o Império do Japão e os Aliados pelo controle da zona marítima de Guadalcanal, o que envolvia o desembarque de unidades terrestres na ilha e permitia a vitória da batalha terrestre de Guadalcanal, desenvolvida em simultâneo.

À pressão estadunidense, acrescentava-se a pressão japonesa pela posse da ilha, território estrategicamente localizado no Pacífico. Quando tudo levava a crer aos Aliados que a situação acalmava-se no local, a descoberta de porta-aviões japoneses ao largo de uma ilha próxima, despoletou a batalha.


BibliografiaEditar

  • D'ALBAS, Andrieu (1965). Death of a Navy: Japanese Naval Action in World War II. Devin-Adair Pub. ISBN 0-8159-5302-X.
  • DULL, Paul S. (1978). A Battle History of the Imperial Japanese Navy, 1941–1945. Naval Institute Press. ISBN 0-87021-097-1.
  • FAHEY, James C. (1983 (reedição)). The Ships and Aircraft of the United States Fleet. 1265 Broadway New York 1, N. Y.: Ships and Aircraft. ISBN 0-87021-636-8.
  • LACROIX, Eric; Linton Wells (1997). Japanese Cruisers of the Pacific War. Naval Institute Press. ISBN 0-87021-311-3.
  • MORISON, Samuel Eliot (1958). The Struggle for Guadalcanal, August 1942 – February 1943, vol. 5 of History of United States Naval Operations in World War II. Boston: Little, Brown and Company. ISBN 0-316-58305-7.
  • PARKIN, Robert Sinclair (1995). Blood on the Sea: American Destroyers Lost in World War II. Da Capo Press. ISBN 0-306-81069-7.
  • POOR, Henry Varnum; Henry A. Mustin & Colin G. Jameson (1994). The Battles of Cape Esperance, 11 October 1942 and Santa Cruz Islands, 26 October 1942 (Combat Narratives. Solomon Islands Campaign, 4–5). Naval Historical Center. ISBN 0-945274-21-1.
  • ROSE, Lisle Abbott (2002). The Ship that Held the Line: The USS Hornet and the First Year of the Pacific War. Bluejacket Books. ISBN 1-55750-008-8.
  • SMITH, Douglas V. (2006). Carrier Battles: Command Decision in Harm's Way. US Naval Institute Press. ISBN 1591147948.
  • STAFFORD, Edward P.; Paul Stillwell (Introdução) (2002 (reedição)). The Big E: The Story of the USS Enterprise. Naval Institute Press. ISBN 1-55750-998-0.

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Batalha das Ilhas Santa Cruz
 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Batalha das Ilhas Santa Cruz