Bill Elliott

Piloto de corridas da NASCAR
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo cowboy, veja Bill Elliot.


Bill Elliott
Nascimento 8 de outubro de 1955 (64 anos)
Dawsonville
Cidadania Estados Unidos
Ocupação proprietário de uma equipe da NASCAR, automobilista
Prêmios Motorsports Hall of Fame of America
Página oficial
http://www.billelliott.com

William Clyde Elliott (Dawsonville, Geórgia, 8 de outubro de 1955), mais conhecido como Bill Elliott, é um piloto de automóveis estadunidense. Foi campeão da NASCAR Cup Series em 1988, vice-campeão em 1982, 1987 e 1992, terceiro em 1983 e 1984, e quarto em 1986 e 1990.

Obteve 44 vitorias e 175 top 5 em sua passagem pela maxima categoria. As mais importantes são as 500 Milhas de Daytona de 1985 e 1987, as 500 Milhas do Sul de Darlington de 1985, 1988 e 1994, as 500 Milhas de Alabama de 1985, as 400 Milhas de Brickyard de 2002, e a Corrida das Estreias da NASCAR de 1986. Correu nas equipes Elliott, Melling, Junior Johnson e Evernham, entre outros. A maior parte da sua carreira pilotou pela marca Ford, embora, nas últimas temporadas, também competiu com carros Dodge e Chevrolet.

Alem disso, detém até hoje os recordes de velocidade da Nascar, obtido em Talladega a 212,809 mph (342,483 km/h) e Daytona en 210,364 mph (338,548 km/h), ambas feitas en 1987. Desde que 1988 utilizam-se placas restritoras na entrada de ar dos automoveis para as corridas em Daytona e Talladegam, ambos registros mantem-se intatos.

Enquanto, Elliott foi vice-campeão em 1986 e 1991 da International Race of Champions, obtendo duas vitorias e 16 top 5 em 24 corridas disputadas.

O seu filho, Chase Elliott, também segue carreira na NASCAR, onde compete regularmente na divisão principal desde 2016 pela equipe Hendrick Motorsports.

CarreiraEditar

 
Carro de Bill Elliot na NASCAR em 1994.

Começou sua carreira na NASCAR em 1976, sua primeira vitória foi em 1983 onde terminou a temporada em terceiro lugar, ganhou as 500 Milhas de Daytona em 1985 e 1987, seu título veio em 1988, teve no total 44 vitórias, foi eleito o piloto mais popular da NASCAR por 16 vezes, encerrou sua carreira em 2012.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.