Abrir menu principal
Brasão da Paraíba

O Brasão da Paraíba é o emblema heráldico e um dos símbolos oficias do estado brasileiro da Paraíba. Foi adotado durante a gestão do presidente estadual (hoje governador) Castro Pinto (1912-1915).

Descrição heráldicaEditar

É formado por quatro ângulos (três na parte superior e um na parte inferior). As estrelas contidas respeitam a divisão administrativa do estado. No alto, há uma estrela de tamanho maior de cinco pontas e com um círculo em sua parte central. No interior desse círculo há um barrete frígio, que significa "liberdade". No meio do brasão, há um escudo com um desenho de homem guiando um rebanho, que representa o sertão, e um sol ao amanhecer, representando o litoral. À direita desse escudo, há o desenho de um ramo de algodão e, à esquerda, uma rama de cana-de-açúcar. Na parte inferior do brasão, há um laço que "prende" os ramos de algodão e cana-de-açúcar e, dentro dele, uma inscrição mostrando a data de fundação da Paraíba: 5 de agosto de 1585.[1] A faixa governamental da Paraíba tem o brasão no fronte.

Brasões anterioresEditar

ColôniaEditar

Em escudo redondo português de campo azul, seis torrões de pão-de-açúcar dourados, alusão à produção sucroalcooleira, principal atividade econômica daquela região à época.

Ver tambémEditar

Referências