Abrir menu principal
Bretão
Cavalo bretão
Nome em inglês Breton horse
Origem Bretanha
Temperamento Dócil
Pelagem Alazã e castanha
Uso Tração
Altura Macho e Fêmea de 1,55 m a 1,63 m

Bretão é uma raça de cavalo de tração desenvolvida na região francesa da Bretanha, a partir de outras raças robustas de cavalos, algumas delas datando de milhares de anos e já inexistentes, como o Bidet e o Bidet bretão. Além disso, o cavalo bretão é resultado de cruzamentos de muitas outras raças européias e orientais. 

Em 1909, um stud book foi criado, e em 1951 ele foi oficialmente fechado. A pelagem da raça é frequentemente castanha, e os indivíduos são conhecidos por serem fortes e musculosos. [1]

Trata-se de uma raça muito utilizada em atividades militares, agrícolas e de transporte, e que também contribuiu para a melhoria de outras raças de cavalos, e para a produção de mulas.

SubtiposEditar

Existem três subtipos distintos de bretões, cada um originário de diferentes regiões da Bretanha. O bretão corlay, ou ainda bretão "petit trait" é o menor deles e encontra-se quase extinto. É geralmente utilizado para atividades mais leves ou para montaria. O bretão postier é muito utilizado para puxar veículos e tarefas relativamente leves nas fazendas. O bretão de tração (em francês trait breton) é o maior dos subtipos, e é geralmente usado para os trabalhos mais pesados. [2]

 
Bretões postier descansando no pasto.

CaracterísticasEditar

Cavalos bretões em média têm uma altura de 158 cm, mas essa medida pode variar entre 155 e 163 cm, dependendo do subtipo em questão. Eles normalmente têm uma pelagem alazã e castanha, e frequentemente sua crina e rabo têm uma coloração mais clara, até mesmo aloirada, embora possam ser também baias, cinzentas, vermelhas ou azuis-ruão. [3]Bretões têm uma cabeça bem proporcionada de volume médio, com um perfil forte, pescoço curto e bem assentado em uma cernelha de musculatura acentuada. Os ombros dos indivíduos são longos, os peitorais largos e fortes e as ancas largas e quadradas. As pernas são bem fortes, curtas porém poderosas, com juntas reforçadas e cascos bem formados, cobertos por um pouco de plumagem.[4]

UsosEditar

Cavalos bretões são usados em muitas tarefas, principalmente em razão das possibilidades dos diferentes subtipos da raça.  Subtipos menores podem ser usados para montaria e para trabalho de carga leve, ao passo que subtipos maiores são ideais para cargas pesadas e trabalho agrícola.  Eles também são comumente usados para melhorar outras raças através de cruzamento. Atualmente a raça vem sendo usada para trabalho em pequenas fazendas, e também na coleta de macroalgas. Em alguns países, são também criados para a produção de carne, pois carne de cavalo é apreciada em diversos países europeus, incluindo França, Bélgica, Alemanha e Suíça.[5]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Saúde Animal - Fazenda - Cavalos - Bretão de Tiro». Saúde Animal. Consultado em 21 de julho de 2009 
  2. «Bretão - Raças - Equinos: Equinocultura». Equinocultura. Consultado em 21 de julho de 2009 
  3. Breton. The International Museum of the Horse. Referenced August 1, 2011
  4. Simon & Schuster's Guide to Horses and Ponies. Bongianni, Maurizio. Simon & Schuster, Inc., 1988, pg. 90. ISBN 0-671-66068-3
  5. Johnson, Michael (June 19, 2008). "Hungry for Horse Meat". New York Times. Retrieved 2009-11-17.

Ligações externasEditar