Abrir menu principal

Câmara de Lobos (freguesia)

freguesia de Câmara de Lobos
Portugal Portugal Câmara de Lobos 
  Freguesia  
Vista parcial de Câmara de Lobos
Vista parcial de Câmara de Lobos
Localização no concelho de Câmara de Lobos
Localização no concelho de Câmara de Lobos
Câmara de Lobos está localizado em: Madeira
Câmara de Lobos
Localização de Câmara de Lobos na Madeira
Coordenadas 32° 38' 55" N 16° 58' 40" O
País Portugal Portugal
Região Flag of Madeira.svg Madeira
Concelho CMT1.png Câmara de Lobos
Fundação segundo quartel do século XV
Administração [1]
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente Celso Renato de Freitas Bettencourt (PPD/PSD)
Área [2]
- Total 7,74 km²
Altitude [3] 27 m
População (2011) [4]
 - Total 17 986
    • Densidade 2 323,8 hab./km²
 - Alojamentos 4 569
Gentílico câmara-lobense
Código postal 9300 Câmara de Lobos
Orago São Sebastião
Website http://www.freguesiacamaradelobos.pt/

Câmara de Lobos é uma freguesia portuguesa do concelho da Câmara de Lobos, com 7,62 km² de área e 17 986 habitantes (2011). A sua densidade populacional é 2 323,8 hab/km².
Localiza-se a uma latitude 32.633 (32°38') Norte e a uma longitude 16.9833 (16°59') Oeste, estando a uma altitude de 5 metros. As actividades principais são: agricultura, indústria de refrigerantes, pesca, comércio e serviços. É banhada pelo Oceano Atlântico a sul. Tem montanhas a norte.

Índice

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Câmara de Lobos [5]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
4 662 5 823 6 109 7 160 7 809 8 792 11 120 11 740 12 913 14 184 14 213 14 991 15 097 16 842 17 986
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 101 90 323 158 15,0% 13,4% 48,1% 23,5%
2011 103 63 358 180 14,6% 8,9% 50,9% 25,6%

Média do País no censo de 2001: 0/14 Anos-16,0%; 15/24 Anos-14,3%; 25/64 Anos-53,4%; 65 e mais Anos-16,4%

Média do País no censo de 2011: 0/14 Anos-14,9%; 15/24 Anos-10,9%; 25/64 Anos-55,2%; 65 e mais Anos-19,0%


PatrimónioEditar

  • Património Natural da Freguesia de Câmara de Lobos - Ilhéu

O Ilhéu de Câmara de Lobos exibe-se sobre um oponente rochedo.

Neste, é atualmente possível usufruir de um belo jardim e desfrutar em simultâneo de uma paisagem soberba sobre a cidade de Câmara de Lobos, o promontório do Cabo Girão e o vasto oceano.

No entanto, este mesmo lugar, em tempos constituiu um tradicional bairro de pescadores, sendo na altura o com mais denso em termos populacionais da Madeira. [6]

A denominação de Ilhéu deve-se aos seus primórdios, quando este ainda não estava ligado à terra, formando uma pequena ilha isolada que posteriormente uniu-se devido a deslizamentos de terras procedentes das encostas.

No que toca à história deste Ilhéu, ainda que não seja uma afirmação com unanimidade, alguns apontam para que esta tenha sido a primeira morada de João Gonçalves Zarco, defendendo que este aqui habitou entre 1420 e 1424.

Assim, este é um espaço inserido na freguesia de Câmara de Lobos que vale a pena ser preservado, não só pela sua beleza de carácter natural, mas também pelo facto de este ilhéu ser um contador de histórias que valem a pena transmitir às gerações futuras.

 
Ilhéu de Câmara de Lobos

Deste modo, conclui-se que lugares como estes, dotados de uma beleza a vários níveis (natural, cultural, histórico), estão associados a uma responsabilidade acrescida, por parte de todos os indivíduos, sendo um dever, enquanto cidadãos, procurar conservar o património e legado existente, a curto, médio e longo prazo, ainda que esse cuidado não invalide uma exploração responsável.

Escultura Mar de EsperançaEditar

A escultura Mar de Esperança encontra-se localizada na rua Nova da Praia e é datada do ano de 2004. O seu autor é Francisco Lucena. Escultura Mar de Esperança A denominação Mar de Esperança da escultura, pretende retratar e eternizar a estreita relação da população de Câmara de Lobos e sua ligação ao mar. [1]

Forno da calEditar

 
Escultura Mar de Esperança

O Forno da Cal localiza-se no começo da promenade pelo centro de Câmara de Lobos. Foi construído em 1874 por Roque Teixeira de Agrela.

A produção do cal era vista como uma necessidade dada a sua importância para diversos afazeres, principalmente ligados à construção civil.

Em 1914 o mesmo foi alvo de intervenção para restauro. Apesar de ter sido efetuada mais uma intervenção nos anos 60, este deixou de estar ativo até aos anos 70 uma vez que a população reclamava devido ao odor e fumo resultante da laboração.

Mais tarde em 1983 é adquirido pela câmara municipal, dando aqui lugar à indústria artesanal de secagem de “peixe gata” .

Atualmente, o forno da cal faz parte do projeto da Frente Mar da freguesia de câmara de lobos, onde se encontra salinas e toda a zona da Trincheira.[2]


Referências

  1. «Juntas de freguesia». Câmara Municipal de Câmara de Lobos. Consultado em 10 de fevereiro de 2011 
  2. IGP, Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), (v. 5). (dados de 2005) Nota: A informação constante da CAOP é permanentemente actualizada, nomeadamente aquando da criação de novas unidades administrativas ou aquando da conclusão de procedimentos de delimitação administrativa, pelo que os dados poderão não coincidir com os publicados em anos anteriores. Disponível em:«Área e População Residente, por Freguesia, 2005». Direcção Regional de Estatística. Consultado em 9 de fevereiro de 2011 
  3. A altitude, assim como as coordenadas geográficas, refere-se à Igreja Paroquial.
  4. Os dados demográficos são do Instituto Nacional de Estatística. O número de habitantes refere-se ao número total de residentes, e os alojamentos são os edifícios de habitação, conforme definido pelo INE.
  5. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  6. «Jardins do Ilhéu». www.visitmadeira.pt. Consultado em 12 de junho de 2019 
  Este artigo sobre geografia da Região Autónoma da Madeira, integrado no Projecto Madeira é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.