Caco Galhardo

Antônio Carlos Tironi "Caco" Galhardo (São Paulo, 15 de dezembro de 1967), é um cartunista brasileiro. Seu trabalho mais conhecido é a tirinha Os Pescoçudos, publicada nos jornais Folha de S.Paulo e O Dia entre 1997 e 2010, quando Galhardo a trocou pela série Daiquiri.[1] Também é autor de Lili, a Ex.

Caco Galhardo
Caco Galhardo Bienal de Curitiba.png

Caco Galhardo em palestra na Bienal de Quadrinhos de Curitiba em 2018
Nome completo Antônio Carlos Tironi Galhardo
Nascimento 15 de dezembro de 1967 (53 anos)
São Paulo
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Cartunista
Magnum opus Os pescoçudos

Galhardo começou sua carreira na década de 1980, quando estudava Comunicação Social na FAAP e publicava suas tirinhas em fanzines. De 1993 a 1997 Galhardo trabalhou na MTV como redator onde foi idealizador das campanhas de cidadania, prevenção a AIDS e contra a violência. Na televisão também já escreveu para o programa Casseta e Planeta Urgente.[2] Apresenta um programa na Rádio UOL, chamado Fogo no Rádio.

Caco Galhardo publicou uma releitura em quadrinhos sobre o livro Dom Quixote em Dom Quixote Em Quadrinhos pela editora Peirópolis, e também escreveu o filme Mulheres Alteradas, inspirado nos quadrinhos homônimos da argentina Maitena.

Referências

Ligações externasEditar


  Este artigo sobre autor ou ilustrador de banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.