Abrir menu principal

Vulcão dos Cinco Picos

(Redirecionado de Caldeira dos Cinco Picos)

O Vulcão dos Cinco Picos é um estratovulcão de grandes dimensões, parcialmente desmantelado pela acção tectónica, situado na parte leste da ilha Terceira, arquipélago dos Açores. O aparelho vulcânico atinge uma altitude máxima de 500 m acima do nível médio do mar no ponto mais alto da Serra do Cume. A estrutura é encimada por uma grande caldeira vulcânica, a Caldeira dos Cinco Picos, com cerca de 7 km diâmetro, medido entre o bordo nordeste, conhecido por Serra do Cume, e o bordo sudoeste, que corresponde à Serra da Ribeirinha.[1]

O interior da caldeira, relativamente plano, contém cinco cones vulcânicos secundários, daí o nome dado ao maciço, onde ocorreram derrames lávicos formaram longas escoadas em direcção à costa através da abertura localizada no flanco sueste da formação.

DescriçãoEditar

A actividade sub-aérea do Vulcão dos Cinco Picos terá ocorrido durante o Plioceno médio, há cerca de 3,5 milhões de anos, estando associado à emergência da estrutura primitiva da ilha Terceira.

O aparelho vulcânico evoluiu para um grande vulcão em escudo, a que se seguiu um período de maior explosividade, com emissão de piroclastos, incluindo pedra pomes de queda, episódios acompanhados por escoadas piroclásticas que deram origem a alguns dos ignimbritos mais antigos conhecidos na ilha Terceira.[2] O mecanismo de formação da caldeira foi complexo e aparenta ter envolvido dois processos, havendo autores que admitem apenas um dos dois. Para alguns a depressão dos Cinco Picos resulta da formação de uma caldeira de colapso, formada durante um período de intensa actividade explosiva,[3] mas outros autores atribuem a formação da exclusivamente a processos de tectónica regional, associados a um processo de rifting, provavelmente devido à actividade do rift da Terceira.[4]


Notas

  1. Vulcão dos Cinco Picos.
  2. Adriano Henrique Gonçalves Pimentel, Domos e coulées da ilha Terceira (Açores): Contribuição para o estudo dos mecanismos de instalação. Universidade dos Açores: tese de mestrado, 2006.
  3. Self, S., 1974, Recent Volcanism on Terceira, Azores [Ph.D. thesis]: London, Imperial College].
  4. Lloyd, E.F. & Collis, S.K., 1981: "Geological report, Geothermal prospection - Ilha Terceira, Açores". Geothermal Energy New Zealand Limited.
  Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.