Calema (dupla musical)

dupla musical de origem são-tomense

Calema é uma dupla músical de irmãos de São Tomé e Príncipe, com origem em Portugal, formada pelos dois irmãos António Mendes Ferreira (5 de abril de 1992) e Fradique Mendes Ferreira (19 Março de 1987). O nome da dupla refere-se à ondulação especial na costa africana.[1][2][3][4]

Calema
Calema (dupla musical)
Informação geral
Origem São Tomé e Príncipe
País Portugal
Género(s) Música Afro Pop
Período em atividade 2014
Editora(s) KlassziK
Integrantes António Mendes Ferreira
Fradique Mendes Ferreira
Ex-integrantes Bruno Fonseca (Baterista)
Prémios STP Awards

Início da vida

editar

Fradique e António Mendes Ferreira, nasceram em São Tomé e Príncipe, respetivamente na Roça Ribeira-Peixe no sul do país (1987) e na capital São Tomé (1992). Com a mesma mestiçagem que carateriza o povo Santomense, descendem de Cabo-verdianos, portugueses e angolares transportando em si uma diversa herança cultural que os conduziu à paixão pela música. Frequentam a instrução primária em São João dos Angolares, capital do distrito de Caué, onde fizeram parte do grupocoral da Igreja de Santa Cruz dos Angolares. Em 2009 procuram um nome mais curto e que tivesse um melhor significado e o escolhido mutuamente foi Calema. Calema significa uma especial ondulação na costa Africana, como as ondas ao chegar a praia trazem consigo sempre alguma coisa. Os Calema trazem : música, sorriso, emoções, cultura e o sol santomense. Desde muito cedo participaram em vários concursos vencendo Lusartist e onde começaram a trabalhar o disco de estreia “Bomu Kêlê” (Vamos acreditar em crioulo). Disco repleto de surpresas em crioulo e em português, onde os Calema desafiaram-se compondo todos os temas do disco. Estes dois rapazes surpreendem com o misto das suas vozes cristalinas, vozes puras, vozes potentes. Onde eles passam nunca ficam desapercebidos, as suas personalidades humildes, músicos carismáticos, e por vezes chamados os anjos Calema.

“O segredo de um vencedor é acreditar na vitória e destruir barreiras com a fé” [5]

Carreira

editar

Três anos depois de estarem na França, onde vieream a participar no the voice França não passando a prova "as cegas". Ainda em França Participaram num concurso de talentos "Luso artist" em Estrasburgo onde conquistaram o primeiro prémio e logo a seguir a gravação do álbum Bomu Kêlê onde conheceram o manager Alexandre Cardoso. De seguida vieram para portugal em promoção do album bomu kêlê e conheceram O Nelson Klasszik onde vieram a trabalhar nos temas "tudo por amor ft Kataleya" "Dame-Dame" "Vai" 2015 - 2016 . Mais tarde, eles produziram o álbum "A Nossa Vez" ou simplesmente "ANV", que incluiu a música "A Nossa Vez". A música terminou o ano de 2017 como o vídeo mais visto no YouTube cantada na lusofonia. Em fevereiro de 2019, eles foram anunciados como compositores e intérpretes da música "A Dois", que participou do Festival da Canção 2019.[6]

Em 2024, eles fizeram uma digressão para celebrar os 15 anos de carreira, com dois concertos esgotados no MEO Arena.[7]

Discografia

editar

Àlbuns

editar
Título Detalhes Posiçao no gráfico do topo
POR

[8]

Bomu Kêlê Lançado: 2014

Gravadora: Calema / Crea prod

A Nossa Vez
  • Lançado: 20 de outubro de 2017
  • Gravadora: Klasszik
3
Yellow
  • Lançado: 7 de fevereiro de 2020 (POR)
  • Gravadora: Klasszik
1

Referências

editar
  1. «Calema: "Há dez anos estávamos numa garagem a ver aviões a passar"». NiT. Consultado em 2 de julho de 2020 
  2. «FC2019: Biografia de Calema». 4 de janeiro de 2019. Consultado em 2 de julho de 2020 
  3. Admin (20 de março de 2020). «Biografia dos Calema». Grandavibes. Consultado em 2 de julho de 2020 
  4. «Biografia de Calema». Last.fm. Consultado em 4 de julho de 2020 
  5. «Famoso como nunca o viu | A vez dos Calema». Revista Cristina. 12 de julho de 2018. Consultado em 2 de julho de 2020 
  6. «Conheça todas as músicas do Festival da Canção de 2019». Correio da Manhã. 21 de janeiro de 2019. Consultado em 3 de julho de 2020 
  7. «Calema celebra 15 anos de carreira com 2 concertos no Meo Arena esgotados». SIC Notícias. 13 de Abril de 2024. Consultado em 13 de Abril de 2024 
  8. «portuguesecharts.com - Portuguese charts portal». portuguesecharts.com. Consultado em 2 de julho de 2020 

Ligações externas

editar
  Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.