Campo Militar de Santa Margarida

O Campo Militar de Santa Margarida (CMSM) MHC é uma base e área de instrução do Exército Português. O CMSM localiza-se na localidade de Santa Margarida da Coutada, no Município de Constância, sendo uma das maiores instalações militares da Europa, a maior instalação militar portuguesa em termos de guarnição e a segunda maior em termos de área ocupada, com uma área total superior ao Estado de San Marino sendo apenas suplantado pelo Campo de Tiro de Alcochete.

Campo militar de santa margarida

Dados estatísticos do CMSMEditar

  • 6400 ha de Área Total ocupada
  • 350 ha de Área da Zona de Aquartelamentos
  • 1 Avenida Principal com 2,4 Km
  • 330 Edifícios
  • 5000 militares de Guarnição
  • 1 Pista de Aviação
  • 2 Heliporto
  • 1 Estação Ferroviária
  • 4 Carreiras de Tiro de Armas Ligeiras
  • 1 Carreira de Tiro de Carros de Combate
  • 1 Carreira de Lançamento de Granadas
  • 1 Pista de Combate

Unidades InstaladasEditar

HistóriaEditar

O CMSM nasce com as necessidades criadas a Portugal pelo facto de ter sido membro fundador na NATO em 1949. No âmbito do compromisso de contribuição militar para a NATO o Exército Português começa a organizar a 1ª Divisão do Corpo Expedicionário Português (Divisão D. Nuno Álvares Pereira). Nessa altura sente-se a necessidade de criação de um grande campo de instrução onde pudessem ser treinadas grandes unidades de armas combinadas. Em 1951 é então decidida a construção do então denominado Campo de Instrução Divisionário em Santa Margarida da Coutada ao sul do rio Tejo.

O campo militar foi construído pela engenharia militar durante o ano de 1952, sendo activado em 1953, já com a denominação de Campo de Instrução Militar (CIM). O quartel-general da Divisão Nun'Álvares Pereira instala-se no campo em 1957.

Até princípio da década de 1960 o campo é utilizado da forma para o qual foi concebido sendo aí realizadas manobras e acções de instrução de grandes unidades em situações de guerra convencional e nuclear. No entanto, com o início da Guerra do Ultramar o CIM passa a ser utilizado sobretudo para a instrução em operações de contra-guerrilha.

Com o fim da Guerra do Ultramar e a alteração das necessidades militares portuguesas e da NATO é decidida a extinção da Divisão Nun'Álvares e a sua substitução pela nova 1ª Brigada Mista Independente (1ªBMI), criada em 1976. Nesse âmbito é decidida também a alteração do tipo de utilização do, agora denominado Campo Militar de Santa Margarida. Até aí a maioria das unidades operacionais estavam aquarteladas fora do campo e só aí se deslocavam para a realização de treinos e manobras. A partir daí começa a progressiva instalação em aquartelamentos no interior do CMSM das unidades operacionais da 1ªBMI.

A 4 de Abril de 2002 foi feito Membro-Honorário da Ordem Militar de Cristo.[1]

Figuras PrincipaisEditar

  1. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Campo Militar de Santa Margarida". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 3 de dezembro de 2014