Abrir menu principal

Canato Turco Ocidental

(Redirecionado de Canato Túrquico Ocidental)

O Canato Turco ou Túrquico Ocidental foi estabelecido após um conflito sangrento travado no início do século VII (600–603), após o Canato Goturco (fundado no século VI na Mongólia pelo clã do norte Ashina) dividir-se em duas partes: a ocidental e a oriental.

Os turcos ocidentais (também conhecidos por Onoq, "dez flechas") mantiveram relações amistosas com o Império Bizantino após expandir o seu território, em detrimento do seu inimigo comum, o Império Sassânida.[1] Em 619 os turcos ocidentais invadiram Báctria, mas foram derrotados pelas forças do general Simbácio Bagratuni, durante a Segunda Guerra Persa-Turca. Durante a Terceira Guerra Persa-Turca, o Tong Jabgu e o seu sobrinho Buri-sad juntou forças com o imperador Heráclio (r. 610–641) e invadiu a Transcaucásia, saindo aí vitorioso.

A capital do canato era Navekat (a capital de verão) e Suyab (capital principal), ambas localizadas no vale do rio Chui (atual Quirguistão), a leste de Bisqueque. O canato foi derrotado pelas forças chinesas sob o comando de Su Dingfang em 658—659.[2]

Referências

  1. Twitchett, David. The Cambridge History of China, Cambridge University Press, 1979. ISBN 0-521-21446-7, p. 223.
  2. Hans J. Van de Ven, Warfare in Chinese History, Leida, Brill Academic Publishers, 2000. ISBN 90-04-11774-1, p. 118.