Abrir menu principal

Genebra (cantão)

(Redirecionado de Cantão de Genebra)

Genebra é um cantão da Suíça, cuja capital é a cidade de Genebra, e está situado na parte oeste do país na Região Lemánica. Está rodeada pela França excepto a Oeste onde se liga com o cantão de Vaud. O gentílico de Genebra é um(a) genebrino(a).

Picto infobox map.png
Cantão de Genebra
Cantão da Suíça
Wappen Genf matt.svg
Brasão de armas
Localização na Suíça
Swiss Canton Map GE.png
Dados
Capital Genebra
Adesão à confederação 1815
Sigla GE
População 433.235 habitantes
Censo 31/12/2006
Área 282 Km²
Densidade 1.536 hab./km²
Nº de Comunas 45
Línguas francês
Mapa do cantão
Karte Kanton Genf.png

República e cantãoEditar

República e Cantão de Genebra é o título oficial do cantão de Genebra tal como aparece no sítio oficial[1] e o termo Genebra pode ser empregue para definir ao mesmo tempo: a capital da república e do cantão de Genebra[2] -,[3] a capital da comuna de Genebra e evidentemente, a cidade.

O actual cantão tem origem no condado de Genebra, criado em 1034.

Grande ConselhoEditar

O Grande Conselho (título completo: Grande Conselho da República e Cantão de Genebra) é o órgão legislativo do cantão. Composto por 100 deputados eleitos cada quatro anos tem como principais competências as de legislar. Tanto o Conselho do Estado como os deputados podem apresentar projectos de lei, que são geralmente reenviados a comissões para estudo e aprovação. O Grande Conselho tem também as seguintes funções: [4]

  • exercer o direito de graça;
  • adoptar, modificar ou rejeitar os projectos e proposições que lhe são apresentadas pelos deputados ou pelo Conselho do Estado;
  • pronunciar-se sobre as iniciativas populares;
  • conceder amnistias gerais ou particulares;

Em resumo, e depois de ter ouvido o pre-aviso do Conselho do Estado, se pronunciar sobre todas as convenções inter-cantonais (dentro da Confederação Suíça) ou todas aquelas que tenham a ver com a soberania do cantão.[5]

Conselho do EstadoEditar

O Conselho do Estado (em francês: Conseil d'Etat) [6] é o nome tomado pelo governo do cantão de Genebra, que se reúne para decretar as leis relativas ao Estado de Genebra.

O Conselho do Estado é composto por sete membros, exerce o poder executivo e tenta executar e aplicar as leis votadas pelo Grande Conselho. A constituição genebrina precisa que o CdE promulga as leis; é encarregado da sua execução.[4] Ele deve apresentar o seu programa de législature no máximo seis meses depois de ter sido eleito.[7]

Burguesia de GenebraEditar

 Ver artigo principal: Burguesia de Genebra

Por Burguesia de Genebra compreende-se a ligação existente entre os não naturais da cidade e aqueles que pediam regalias semelhantes, de uma certa maneira uma naturalização, que no fundo é um mistura de tradições seculares para se poder fazer parte de uma comunidade - cividade, burgo - a que se quer pertencer.[8]

Tradicionalmente a Burguesia de Genebra toma as seguintes denominações:

  • Nativo ou Cidadão; de reconhecidas famílias vivendo e trabalhando de há muito tempo na cidade, os Genebrinos;
  • Burgueses; os que receberam uma carta de burguesia - em francês: lettre de bourgeoisie
  • Sujeitos, habitantes de terras dependentes de uma senhoria (castelo) ou mandement (bispo), como as de Peney e Jussy.

HistóriaEditar

No século XVI, a independência da cidade é ameaçada pelo Casa de Saboia e pede ajuda aos cantões de Friburgo e Berna.

ReformaEditar

A Reforma Protestante triunfou em 1535. Politicamente a cidade é então uma república. João Calvino instala-se na cidade em 1536 e foi expulso em 1538 em razão da sua intolerância mas foi acolhido de novo em 1541 aonde ficou até à sua morte em 1564. Depois do massacre da noite de São Bartolomeu (24 de Agosto de 1572) um grande número de protestantes, em particular franceses e italianos perseguidos nos seus países, encontram abrigo em Genebra. Por essas altura Calvin e Teodoro de Beza criam um grande movimento religioso e intelectual e oa refugiados ajudam a levantar a economia.

EscaladaEditar

Na noite do 11 de dezembro de 1602, o duque de Saboia tentou invadir a cidade. A derrota dos Saboia é festejada todos os anos durante a festa da escalada.

Jeûne genevoisEditar

Depois da revogação do Édito de Nantes em 1685, as medidas tomadas em França por Luís XIV contra os protestantes provocaram uma segunda vaga de refugiados. A falta de alimentos ressentida na época está na origem do Jeûne genevois, o jejum genebrino, celebrado na quinta-feira seguinte ao primeiro domingo de setembro com a torta de ameixas, feita com o único alimento que nessa época do ano havia em abundança.

O século XVIII foi um período de grande prosperidade para a indústria genebrina, o comércio e a banca. Mas a cidade foi dividida por guerras civis.

Revolução genebrinaEditar

Em 1792, a Revolução Genebrina desfez o governo aristocrático do Antigo Regime e proclamou a igualdade política. Em 1798, durante a Revolução Francesa, Genebra foi anexada pela França e integrada ao departamento do Léman. Adquiriu de novo a liberdade com a derrota das tropas napoleónicas em 1883. Os magistrados da república pedira a sua entrada na Confederação Suíça, o que lhe foi concedido em 1815 no Congresso de Viena com a 10 km² ganhos sobre a França e vinte e quatro comunas ganhas de Saboia.

Em 1846, James Fazy derrubou o governo da Restauração e estabeleceu a constituição que ainda hoje governa a República de Genebra.

N.B.: Em Datas de Versoix mostram-se cronologicamente as interacções entre os diferentes interesses nesta região.

ConstituiçãoEditar

A constituição redigida a 24 de maio de 1847 começa por dizer "A república e cantão de Genebra forma um dos cantões soberanos da Confederação Suíça".[9]

FAOEditar

Feuille d'Avis Officielle ou FAO como é conhecido, é o órgão oficial de informação dos decretos e leis criadas pelo cantão.

ConfederaçãoEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. [Canton of Geneva Municipalities map-fr.png République et canton de Genève /Ooganisation] (em francês)
  2. «República e Cantão (Fr)». Hls-dhs-dss.ch 
  3. «Sítio oficial da République et Canton de Genève (Fr)». Ge.ch 
  4. a b GE.CH: Org (em francês) Visitado: Fev. 2014
  5. GE.CH: LRGC (em francês) Visitado: Fev. 2014
  6. Constitution de la République et Canton de Genève (em francês) Visitado: Fev. 2014
  7. GE.CH: LRGC (em francês) Visitado: Fev. 2014
  8. GE: Historique des naturalisations (em francês) Visitado: Abril 2014
  9. GE -Legislação (em francês) - Abril 2012

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cantão de Genebra