Biguatinga

espécie de ave
(Redirecionado de Carará)

Anhinga anhinga (L.), conhecido popularmente como biguatinga, carará, anhinga, arará, meuá, miuá e muiá, é uma ave suliforme anhingídea que habita os rios e lagoas desde o Sul dos Estados Unidos até ao Norte do Chile e da Argentina.[2]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaBiguatinga
Anhinga anhinga fêmea na Flórida, nos Estados Unidos
Anhinga anhinga fêmea na Flórida, nos Estados Unidos
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Suliformes[1]
Pelecaniformes
Família: Anhingidae
Género: Anhinga
Espécie: A. anhinga
Nome binomial
Anhinga anhinga
(Linnaeus, 1766)

EtimologiaEditar

"Carará" originou-se do termo tupi kara'rá[2]."Biguatinga" originou-se dos termos tupis mbi gwa (pé redondo)[3] e tinga (branco).[4] "Anhinga" originou-se do tupi a'ñinga.[5] "Meuá" e "miuá" se originaram do tupi miu'á.[6][7]

CaracterísticasEditar

A espécie apresenta dimorfismo sexual, sendo o macho preto e a fêmea mais colorida, com a cabeça, pescoço e peito cinza-amarelados, as rêmiges do braço e as coberteiras superiores das asas marginadas de cinzento ou dessa cor e a ponta da cauda branca. Os cararás têm comprimento médio de cerca de 85 centímetros e 120 centímetros de envergadura nas asas.

As penas do biguatinga não são impermeáveis como as dos patos e não segregam óleo que mantenha a água à distância. Em consequência, as penas podem armazenar quantidades de água que provocam a má flutuação do animal. Esta característica é no entanto uma vantagem, visto que permite um mergulho mais eficiente debaixo d'água. Tal como os outros membros da família Anhingidae, o biguatinga caça durante mergulhos em que fica totalmente submerso. Quando necessário, seca as penas abrindo as asas ao sol.

SubespéciesEditar

São reconhecidas duas subespécies:

  • Anhinga anhinga anhinga (Linnaeus, 1766) - ocorre na ilha de Trinidad e Tobago e do Norte da América do Sul até o Norte da Argentina;
  • Anhinga anhinga leucogaster (Vieillot, 1816) - ocorre do sudeste dos Estados Unidos da América até o Panamá, em Cuba e na Ilha dos Pinus.

Referências

  1. «Hamerkop, Shoebill, pelicans, boobies & cormorants». IOC World Bird List (v 6.4) (em inglês). Consultado em 23 de dezembro de 2016 
  2. a b FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.349
  3. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.257
  4. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 678
  5. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.123
  6. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 143
  7. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.1 129

Ver tambémEditar

Referências


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Imagens e media no Commons
  Diretório no Wikispecies