Abrir menu principal

Grande circulação

(Redirecionado de Circulação sistêmica)
Coração e pulmões (Gray's Anatomy, 1918).

[[Ficheiro:Heart numlabels.png|thumb|Anatomia esquemática do coração (miocárdio em rosa) :

Grande circulação, também chamada circulação sistêmica ou circulação geral[1] um dos circuitos da circulação sanguínea dupla, entre o coração e todo o organismo. O sistema circulatório transporta o sangue oxigenado para longe do coração e retorna o sangue desoxigenado de volta para o coração. Na grande circulação, o sangue do ventrículo esquerdo vai para todo o organismo, através da artéria aorta, e retorna até o átrio direito do coração, pelas veias cava. É uma circulação coração-tecido-coração - entre o ventrículo esquerdo e o átrio direito do coração.[2]

O sangue arterial é bombeado pela contração do ventrículo esquerdo para a artéria aorta. Ao bombear esse sangue ocorre a abertura de uma válvula presente na artéria aorta que é chamada de válvula aórtica ou semilunar, ao passar todo o volume do sangue que será distribuído nos órgãos e tecidos, ocorre o fechamento dessa válvula produzindo assim a segunda bulha cardíaca. Da aorta derivam numerosos ramos que levam o sangue às várias regiões do organismo, onde o sangue realiza trocas de substâncias com os tecidos, necessárias à manutenção da homeostasia e também onde o oxigênio é consumido. Da croça da aorta (parte recurvada da aorta), partem as artérias subclávias, que vão aos membros superiores, e as artérias carótidas, que levam o sangue à cabeça.

Da aorta torácica partem as artérias bronquiais (que vão aos brônquios e aos pulmões), as artérias do esôfago e as artérias intercostais.[3] O sangue venoso, que, nesta etapa da circulação, é pobre em oxigênio (ao contrário do que acontece na pequena circulação) retorna ao coração pelas veias cavas, introduzindo-se no átrio direito. Do átrio direito, o sangue passa para o ventrículo direito através do orifício atrioventricular, onde está a valva tricúspide.

A aorta, ponto de início da grande circulação, parte do ventrículo esquerdo e forma um grande arco, que se dirige para trás e para a esquerda (croça da aorta), seguindo verticalmente para baixo, ao longo da coluna vertebral, atravessando depois o diafragma e penetrando na cavidade abdominal. Ao fim do seu trajeto, a aorta se divide nas duas artérias ilíacas, que vão aos membros inferiores.[3]

Fazem parte da grande circulação:

Artérias: artéria carótida comum esquerda, artéria carótida comum direita, artéria subclávia esquerda, artéria subclávia direita, artéria axilar esquerda, artéria axilar direita, artéria braquial esquerda, artéria braquial direita, artéria carótida interna, artéria carótida externa, artéria tireóidea, artéria lingual, artéria facial, artéria maxilar, artéria occipital e artéria temporal superficial.

Veias: veia cava superior, veia cava inferior, veia braquiocefálica esquerda, veia braquiocefálica direita, jugular interna direita, jugular interna esquerda, subclávia esquerda, subclávia direita, veia axilar direita e veia axilar esquerda.

Referências

Ver tambémEditar


  Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.