Clã Torii

O Clã Torii ( 鸟居氏 Torii-shi ?) era um clã samurai dos períodos Sengoku e Edo da história do Japão. Eram vassalos do Clã Tokugawa desde o final do Século XVI. Torii Suneemono talvez seja o mais famoso do Clã por sua bravura e valentia acabou crucificado por Takeda Katsuyori em 1575 no Cerco do Castelo Nagashino.

O Mon (brasão) do Clã Torii

Ao Clã foi concedido originalmente o Domínio de Yahagi na Província de Shimōsa em 1590, avaliado em cerca de 40.000 koku . Após o estabelecimento do Shogunato Tokugawa , em 1606 aos Torii foi entregue o Domínio de Iwakidaira na Província de Mutsu, avaliado em cerca de 100 mil koku . Em 1622 eles se mudaram mais uma vez para Domínio de Yamagata na Província de Dewa , com uma renda anual de 260 mil koku . Torii Tadatsune morreu sem herdeiros em 1636, e seu Domínio, foi revertido para o shogunato, a seu irmão Torii Tadaharu foi dado Domínio de Takatō na Província de Shinano (30000 koku) [1].

Membros ImportantesEditar

Referências

  1. Jacques Edmond Joseph Papinot. (1906) Nobiliare du Japon -- Torii, p. 65  PDF (em francês).
  Este artigo sobre um clã do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.