Classe Douro

A Classe Douro foi um modelo de contratorpedeiro da Marinha Portuguesa.

Classe Douro
NRP Guadiana
Visão geral    Bandeira da marinha que serviu Bandeira da marinha que serviu
Nome Classe Douro
Operador(es) Naval jack of Portugal.svg Portugal
Construtor(es) Arsenal da Marinha - Lisboa
Unidade inicial NRP Douro (1913)
Unidade final NRP Tâmega (1924)
Lançamento 1913
Em serviço 1913 - 1942
Características gerais
Tipo Contratorpedeiro
Deslocamento 670 t
Comprimento 73,15 m
Boca 7,16 m
Calado 4,2 m
Propulsão 3 turbinas vapor com 17 000 hp
3 veios
Velocidade 27 nós
Armamento 1 peça de 100 mm
2 peças 76 mm
2 tubos lança-torpedos de 450 mm
2 lançadores com 12 cargas de profundidade e 20 minas
Tripulação 73

Os quatro navios da classe foram construídos no Arsenal da Marinha, em Lisboa, entre 1913 e 1924, com assistência técnica britânica. Os dois primeiros navios, juntamente com o NRP Tejo constituíram a força de contratorpedeiros da Marinha Portuguesa a operar durante a Primeira Guerra Mundial.

Na década de 1930, os navios começaram a ser substituídos pelos contratorpedeiros da Classe Vouga.

UnidadesEditar

Indicativo visual Nome Serviço Observações
D Douro 1913 - 1927
G NRP Guadiana 1915 - 1936
V Vouga 1920 - 1931
TA Tâmega 1924 - 1942

ReferênciasEditar