Clopidogrel

composto químico

O Clopidogrel é um fármaco do grupo dos antiagregantes plaquetares, que é usado no tratamento e e prevenção da trombose arterial.[1]

Clopidogrel
Um medicamento antiplaquetar

Usos clínicosEditar

Mecanismo de acçãoEditar

Ele é um bloqueador irreversivel do receptor de ADP das plaquetas que é fundamental na sua activação e agregação. Não têm efeitos a nível dos prostanoides (que é o mecanismo da aspirina, o mais importante dos antiplaquetares). É um avançado antagonista do receptor de ADP que inibe a agregação plaquetária.

AdministraçãoEditar

Oral. Efeito inicia-se após 8 horas, inibição irreversivel dura 7-10 dias.

Contudo o estudo [CURE] demonstrou redução de risco aterotrombótico a partir da segunda hora da administração.

Efeitos clinicamente úteisEditar

Inibem a agregação das plaquetas, evitando a formação de trombos arteriais.

Aparentemente não causa complicações no feto na gravidez.

Efeitos adversosEditar

Menos graves que os da ticlopidina.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Bula do Bissulfato de Clopidogrel». Consulta Remédios. Consultado em 24 de julho de 2019