Abrir menu principal

Um clube do livro, também conhecido como clube de leitura, é um clube social onde pessoas normalmente se encontram para discutir sobre um livro que acabaram de ler, expressando suas opiniões, críticas, etc. Comumente, membros de clubes do livro encontram-se em suas casas, em livrarias, pubs, cafés, restaurantes, etc. Há também clubes do livro online.

No Brasil há diversos Clubes do Livro, veja agora alguns e participe:

Clube do Livro MA

Clube do Livro de BH

Leia Mulheres

Outros Clubes do Livro

Editora Clube do LivroEditar

Clube do Livro também foi uma editora bastante influente no Brasil, com publicações de livros a preços populares e um sistema de associados, onde, seus membros recebiam mensalmente um título em sua residência. Os livros eram brochuras de capa mole e ótima apresentação gráfica, embora impressos em papel jornal. Os leitores ou associados do Clube do Livro, recebiam-nos devidamente empacotados, lacrados, o que dava um tom de surpresa e segurança.

A Editora Clube do Livro nasceu em 1943 e seu primeiro título, O Guarani de José de Alencar, foi publicado em julho do mesmo ano. Desde então sua atuação foi crescente, chegando a ter em torno de 50 mil associados em 1969. Em novembro de 1973 o grupo gráfico-editorial Revista dos Tribunais assumiu seu controle, encerrando suas atividades temporariamente até 1976. Mais tarde, o Clube do Livro foi comprado pela Editora Ática[1], que recomeçou a publicar com o logo do clube até 1983. Depois de 1984, com o afastamento de Mário Graciotti da editoria, a Ática tentou modernizar a imagem do Clube do Livro. Antigas traduções foram revisadas, às vezes com a inclusão de partes que haviam sido omitidas, e republicadas. Em 1989, finalmente, sua publicação foi definitivamente interrompida[2]

Referências

  1. Hallewell, Laurence. O Livro no Brasil. São Paulo: EDUSP, 2005.
  2. Seruya, Teresa; Moniz, Maria Lin. Translation and Censorship in Different Times and Landscapes. Cambridge: Cambridge Scholars Publishing, 2009.