Companhia Aveirense de Componentes para a Indústria Automóvel

A Renault Cacia (anteriormente conhecida por C.A.C.I.A.) é uma fábrica do grupo Renault localizada no centro industrial da freguesia portuguesa Cacia, distrito de Aveiro, dedicada à produção de órgãos e componentes para a indústria automóvel. Com 1100 empregados, a fábrica é a segunda maior unidade do setor automóvel português, logo a seguir à Autoeuropa da Volkswagen.[1]

Companhia Aveirense de Componentes para a Indústria Automóvel
Companhia Aveirense de Componentes para a Indústria Automóvel
Vista aérea da fábrica
Atividade Automóvel
Fundação 1981
Sede Portugal Cacia, Aveiro
Proprietário(s) Renault
Empregados cerca de 1.100
Produtos Caixas de velocidade e componentes motor

A fábrica ocupa uma superfície total de 300 mil  m² e uma área coberta de 70 mil  m², onde são produzidos componentes para motores, nomeadamente bombas de óleo, árvores de equilibragem e outros componentes em ferro fundido e alumínio.[2]

A totalidade dos produtos destina-se 100% para exportação, para fábricas Renault e Nissan de montagem veículos e de mecânica situadas em países como Espanha, França, Roménia, Turquia, Eslovénia, Brasil, Chile, Marrocos, África do Sul, Irão e Índia.

Em fevereiro de 2011 iniciaram-se as obras para a construção de uma fábrica de baterias no complexo industrial da C.A.C.I.A, envolvendo uma área de 20 mil  m² e um investimento de 160 milhões de euros.[3]

Referências

  1. «Destak.pt | trabalho: Trabalhadores da Renault-CACIA suspendem greve segunda-feira». destak.pt. 2011. Consultado em 13 de julho de 2011 
  2. «Cacia - Automóveis Renault». renault.pt. 2011. Consultado em 13 de julho de 2011 
  3. «Construção da fábrica de baterias da Nissan arranca hoje e cria 200 empregos | Económico». mobile.economico.pt. 2011. Consultado em 13 de julho de 2011 

Ligações externas editar