Comunicação alternativa e aumentativa

A comunicação alternativa e aumentativa (AAC) abrange os métodos de comunicação usados ​​para complementar ou substituir a fala ou a escrita para pessoas com deficiência na produção ou compreensão da linguagem falada ou escrita. A comunicação alternativa é utilizada por pessoas com diferentes deficiências, desde as congênitas, como paralisia cerebral, deficiência intelectual e autismo,[1][2][3] e deficiências adquiridas, como esclerose lateral amiotrófica e doença de Parkinson. Um dos nomes mais notáveis a usar comunicação alternativa foi o físico Stephen Hawking.[4]

Referências

  1. «Archived copy». Consultado em 5 de abril de 2014. Arquivado do original em 18 de abril de 2014 
  2. «Prevalence of Cerebral Palsy». cerebralpalsy.org. Consultado em 26 de abril de 2018. Cópia arquivada em 12 de julho de 2017 
  3. «Understanding Parkinson's». parkinson.org. 10 de junho de 2015. Consultado em 26 de abril de 2018. Cópia arquivada em 2 de julho de 2017 
  4. Beukelman & Mirenda, pp. 6–8.