Abrir menu principal

"Congratulations" ("Parabéns") foi a canção que representou o Reino Unido no Festival Eurovisão da Canção 1968 que teve lugar em 6 de abril de 1968, em Londres. Foi interpretada em inglês por Cliff Richard. Na noite do festival, foi a 12.º a canção a ser interpretada, depois da canção italiana "Marianne" e antes da canção norueguesa "Stress", interpretada por Odd Børre. Ver em: Diggiloo. net Terminou a competição em segundo lugar, com 28 pontos, a seguir à canção espanhola "La, La, La", cantada por Massiel. Ver em Diggiloo. net. A canção tornou-se popular no Reino Unido e por toda a Europa Ocidental. No Reino Unido e noutros países chegou ao primeiro lugar do top de vendas em abril de 1968, onde esteve durante duas semanas. No próprio dia do festival, a canção era a favorita para vencer e a imprensa britânica e europeia interrogou-se porque motivo ficou a canção em segundo lugar e não em primeiro, como quase todos esperavam. Durante a votação, a canção durante a votação até ao penúltimo júri, altura em que a Alemanha deu seis pontos à Espanha e apenas dois ao Reino Unido, pondo a canção espanhola com apenas um ponto de vantagem. A situação não se alterou, visto que o júri jugoslavo não forneceu qualquer ponto a qualquer das duas canções [1]. Terminou em segundo lugar, dando o primeiro lugar à canção espanhola, com apenas um ponto de vantagem.

Em 2008, inserindo-se nas teorias da conspiração, um documentário de Montse Fernandez Vila (um espanhol) defendeu que vitória da Espanha se deveu à compra de votos por parte da televisão pública espanhola TVE (que andou a comprar votos pela Europa em troca de compra de programas) apoiava o regime fascista de Franco.[2] O certo é que a canção "Congratulations" é ainda muito popular e foi escolhida para dar o título ao programa para celebrar os 50 anos do Festival Eurovisão da Canção intitulado Congratulations: 50 Anos do Festival Eurovisão da Canção.

A canção de George Harrison "It's Johnny's Birthday" retirada do álbum All Things Must Pass foi baseada nesta canção.

No ano seguinte, em 1969, o Reino Unido fez-se representar por "Boom Bang-a-Bang", interpretada por Lulu.

Índice

AutoresEditar

A canção tinha letra e música de Bill Martin, Phil Coulter ( a dupla responsável de "Puppet on a String" de Sandie Show e foi orquestrada por Norrie Paramor. Ver em: [1]

LetraEditar

A canção é alegre, com Cliff Richard celebrando com todos a sua felicidade e como ele gostaria que todos compreendessem a sua felicidade naquele momento. Letra da canção.

VersõesEditar

Cliff Richard também gravou esta canção noutros idiomas:

ReferênciasEditar

  1. The Eurovision Song Contest - The Official History. O'Connor, John Kennedy. Carlton Books 2007 ISBN 978-1844429943
  2. Artigo no Daily Telegraph sobre a alegada compra de votos pela TVE

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Precedido por
"Lady Madonna" by The Beatles
Canções nº1 do top britânico de singles
(Cliff Richard version)

10 de abril de 1968 durante duas semanas
Sucedido por
"What a Wonderful World"/"Cabaret" by Louis Armstrong
Precedido por
"Puppet on a String" por Sandie Show
Reino Unido no Festival Eurovisão da Canção
1968
Sucedido por
"Boom Bang-a-Bang por Lulu
  A Wikipédia possui o
Portal da Música


  "Congratulations", canção do Reino Unido no Festival Eurovisão da Canção 1968.