Abrir menu principal

Constantino José Marques de Sampaio e Melo

Constantino José Marques de Sampaio e Melo
Nascimento 16 de agosto de 1802
Morte 14 de dezembro de 1873 (71 anos)
Ocupação artesão
Constantino, o Rei dos Floristas.

Constantino José Marques de Sampaio e Melo (Torre de Moncorvo, 16 de agosto de 180214 de dezembro de 1873[1]), conhecido por Rei dos Floristas ou Constantino, foi um florista português, considerado um dos mais notáveis produtores de flores artificiais no século XIX. O Jardim Constantino, um jardim de bairro na freguesia Arroios, Lisboa, leva o seu nome.[2]

Referências

  1. «Revista Illustrada de Portugal e do Extrangeiro, 25.° Anno — XXV Volume — N." 852, 30 de agosto de 1902 - CENTENARIO DE CONSTANTINO, O REI DOS FLORISTAS (vida e obra)» (PDF). hemerotecadigital.cm-lisboa.pt. Consultado em 13 de novembro de 2008 
  2. «Lisboa Verde: Jardim Constantino». lisboaverde.cm-lisboa.pt. Consultado em 13 de novembro de 2008. Arquivado do original em 18 de abril de 2012