Corrida para o mar

Corrida para o mar
Frente Ocidental da Primeira Guerra Mundial
Race to the Sea 1914.png
Um mapa mostrando os avanços militares durante a corrida para o mar.
Data 15 de Setembro - 8 de Outubro de 1914
Local Bélgica e norte da França
Desfecho Impasse militar
Beligerantes
 Bélgica
Reino Unido Reino Unido
Flag of France (1794–1815, 1830–1958).svg França
 Império Alemão
Comandantes
Alberto I da Bélgica
Joseph Joffre
Sir John French
Erich von Falkenhayn

Corrida para o mar foi um período da Primeira Guerra Mundial em que, na Frente Ocidental, os dois lados estavam envolvidos em batalhas constantes, procurando por um flanco. Como o avanço alemão estagnou na Primeira Batalha do Marne, os oponentes tentaram flanquear continuamente um ao outro por todo o nordeste da França. Esse processo levou as forças de volta às posições costeiras do Mar do Norte, na Bélgica ocidental. Em seguida, a natureza das operações mudou para a guerra de trincheiras, que é um combate de cerco em grande escala. Isto produziu uma contínua linha de frente formada por trincheiras de mais de três mil quilômetros de extensão.[1]

Referências

  1. Neidell, Indy (25 de setembro de 2014). «The Russian War Machine And The Race To The Sea». The Great War. Temporada 1. Episódio 9 (em inglês). No minuto 3. Mediakraft Networks. Consultado em 9 de julho de 2017. They began to try attack each other from the side, the flank. Tradução: Eles começaram a tentar atacar o outro pelos lados, pelo flanco. 
  Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.