Crescencia Valls Espí

Crescencia Valls Espí (Onteniente, 9 de junho de 1863 — Onteniente, 26 de setembro de 1936) foi uma mártir católica, morta durante a Guerra Civil Espanhola. Mulher simples, sustentava a família com seus bordados, enquanto participava das atividades paroquiais.[1] Foi, por isso, martirizada com três de suas irmãs. Aceitou o martírio dando um forte grito: "Viva Cristo Rei".

Beata Crescencia Valls Espí
Beata Crescencia Valls Espí
Mártir
Nascimento 9 de junho de 1863 em Onteniente, Itália
Morte 26 de setembro de 1936 (73 anos)
Veneração por Igreja Católica
Beatificação 11 de março de 2001 por Papa João Paulo II
Festa litúrgica 26 de setembro
Gloriole.svg Portal dos Santos

Foi beatificada pelo papa João Paulo II em 11 de março de 2001.[2]

Referências

  1. RABENSTEIN, K. I. "ABAD CASASEMPERE, AMALIA, AND COMPANIONS, BB.". New Catholic encyclopedia, 2ª ed., vol. 1, p. 4 [The Catholic University of America, Gale: 2003].
  2. OFICINA de las Celebraciones Litúrgicas del Sumo Pontífice. "Capilla Papal Presidida por el Santo Padre Juan Pablo II para la Beatificación de los Siervos de Dios". Acesso em 26/02/08.