Cultura do Norte da África

Os povos do Magrebe e do Saara falam diversos dialetos de berbere e árabe, e quase exclusivamente seguem o Islão. Os grupos de línguas Árabe e Berbere são remotamente relacionados, sendo da família afro-asiática. Os dialetos do Saara são notavelmente mais preservadas do que os das cidades litorâneas (ver línguas tuaregues). Ao longo dos anos, os bérberes foram influenciados por outras culturas com as quais entrou em contato com: núbios, gregos, fenícios, egípcios, romanos, vândalos, árabes,e ultimamente europeus. As culturas do Magrebe e do Saara, portanto, combinam o indígena Berbere, Árabe e elementos de vizinhos da África e além. No Saara, a distinção entre os habitantes sedentários dos oásis, nômades beduínos e tuaregues é particularmente acentuada.

ArgéliaEditar

 Ver artigo principal: Cultura da Argélia

[1]


Referências

  1. Tahar Djaout French Publishers' Agency and France Edition, Inc. (acessado em 4 de abril de 2006)
  Este artigo sobre Cultura da África é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.