DDR4 SDRAM

Em computação, DDR4 SDRAM, uma abreviação de double data rate fourth-generation synchronous dynamic random-access memory, é um tipo de memória de acesso aleatório dinâmica síncrona (SDRAM) com uma interface de alta largura de banda ("double data rate").

Módulo de memória DDR4.

Lançado para o mercado em 2014,[1][2][3] é uma das mais recentes variantes de memória de acesso aleatório dinâmica (DRAM), algumas das quais estão em uso desde o início dos anos 70,[4] e um sucessor de maior velocidade para as tecnologias DDR2 e DDR3.

O DDR4 não é compatível com qualquer tipo anterior de memória de acesso aleatório (RAM) devido a diferentes tensões de sinalização, interface física e outros fatores.

O DDR4 SDRAM foi lançada no mercado público no segundo trimestre de 2014, com foco na memória ECC,[5] enquanto os módulos não-ECC DDR4 foram disponibilizados no terceiro trimestre de 2014, acompanhando o lançamento dos processadores Haswell-E que exigem memória DDR4.[6]

Referências

  1. Paulo Higa (30 de agosto de 2013). «Samsung inicia produção em massa de memórias DDR4». Tecnoblog. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  2. Fabio Jordão (4 de junho de 2014). «DDR4: tudo o que você pode esperar da nova geração de memória RAM». TecMundo. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  3. Marvin Costa (18 de novembro de 2013). «Primeiras memórias RAM DDR4 chegam em 2014; conheça as vantagens». TechTudo. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  4. The DRAM Story (PDF), IEEE, 2008, p. 10, consultado em 6 de dezembro de 2018 [ligação inativa] 
  5. «Crucial DDR4 Server Memory Now Available». Globe newswire. 2 de junho de 2014. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  6. Ronaldo Gogoni (30 de agosto de 2013). «Samsung já está produzindo memórias DDR4 em massa, inicialmente voltadas para servidores». Meio Bit. Consultado em 6 de dezembro de 2018 
  Este artigo sobre hardware é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.