Área de domínio dos danismendidas

Os danismendidas foram uma linhagem dinástica turcomana que dominou a Anatólia Oriental entre os séculos XI e XII. Foram os principais rivais dos turcos seljúcidas do Sultanato de Rum.

HistóriaEditar

A dinastia dos danismendidas foi estabelecida por um homem de nome desconhecido que, em língua persa, tinha o título de Danismende - termo usado para pessoas que possuíam boa educação. Ele formou um estado mercenário, dedicado à rapinagem, controlando o território entre Sivas e Melitene.

Em 1097, o seljúcida Quilije Arslam I lutou contra os danismendidas em Melitene mas, enquanto se empenhava nessa luta, a Primeira Cruzada tomava sua capital, Niceia; então, seljúcidas e danismendidas se aliaram contra os cruzados, porém foram derrotados na batalha de Dorileia.

Em 1101, os aliados conseguiram derrotar os cruzados, porém em seguida a aliança se desfez. Quilije Arslam estabeleceu sua nova capital em Icônio e voltou a guerrear contra os danismendidas.

Em 1130, Boemundo II de Antioquia morreu lutando contra o emir danismendida Gazi Gumustiguim, ao socorrer o Reino Armênio da Cilícia.

Gumustiguim morreu em 1134, e seu sucessor, Maomé, mostrou-se um monarca muito fraco, razão pela qual o estado danismendida declinou, caindo anos depois sob o domínio dos seljúcidas.

ReferênciasEditar

  • The New Islamic Dynasties: A Chronological and Genealogical Manual, Edmund Bosworth Clifford, Edinburgh University Press, 2004.
  Este artigo sobre História da Turquia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.