David Pines

físico norte-americano

David Pines (Kansas City, Missouri, 8 de junho de 1924Urbana, Illinois, 3 de maio de 2018[1]) foi um físico estadunidense, que trabalhou com teoria do estado sólido e teoria de múltiplos corpos, diretor fundador do Institute for Complex Adaptive Matter (ICAM)[2] da Universidade da Califórnia, atualmente uma instituição internacional para pesquisa de fenômenos emergentes, especialmente nos campos científicos da biologia, química e física.

David Pines
Nascimento 8 de junho de 1924
Kansas City
Morte 3 de maio de 2018
Urbana
Cidadania Estados Unidos
Alma mater
Ocupação físico, físico teórico, professor(a) universitário(a)
Prêmios
Empregador Santa Fe Institute, Universidade de Leiden, Universidade da Califórnia em Davis, Universidade de Illinois em Urbana-Champaign, Laboratório Nacional de Los Alamos
Orientador(es) David Bohm

Formação e carreiraEditar

Pines estudou na Universidade da Califórnia em Berkeley (bacharelado 1944) e na Universidade de Princeton (mestrado 1948), onde obteve um doutorado em 1950. Esteve depois na Universidade da Pensilvânia, de 1952 a 1955 foi professor assistente na Universidade de Illinois em Urbana-Champaign (UIUC) e depois de 1955 a 1958 em Princeton, onde foi em 1958/1959 membro do Instituto de Estudos Avançados de Princeton. Em 1959 foi professor de física e engenharia elétrica na UIUC, onde permaneceu até 1995 e foi de 1967 a 1970 diretor fundador de seu Center for Advanced Study.

Pines foi eleito em 1960 fellow da American Physical Society.[3] Recebeu a Medalha Dirac de 1985 da Universidade de Nova Gales do Sul (Dirac Lecture) e a primeira Medalha Feenberg de 1985. Recebeu o Prêmio Lilienfeld de 2016.[4] Foi membro da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos (desde 1973), da Academia de Ciências da Rússia e da Academia de Ciências da Hungria, da American Philosophical Society e da Academia de Artes e Ciências dos Estados Unidos (desde 1980).

Publicações selecionadasEditar

  • The Many-Body Problem. Benjamin, Nova Iorque 1961 (com Reprints)
  • Elementary Excitations in Solids. Benjamin, 1963
  • com Philippe Noziéres: Theory of Quantum Liquids. Volume 1 Normal Fermi Liquids. Benjamin 1966, Volume 2 Superfluid Bose Liquids. Benjamin 1966, Addison-Wesley 1990

Referências

  1. «In memoriam: David Pines». Santa Fe Institute. 4 de maio de 2018. Consultado em 11 de junho de 2020 
  2. «Institute for Complex Adaptive Matter». Consultado em 11 de junho de 2020 
  3. «APS Fellow Archive». APS. Consultado em 11 de junho de 2020 
  4. «2016 Julius Edgar Lilienfeld Prize Recipient: David Pines». APS. Consultado em 11 de junho de 2020. For his contributions to our understanding of emergent behavior in quantum matter-plasmons, nuclear, celestial and unconventional superfluidity, heavy electron emergence-and for his effectiveness in communicating these discoveries and a new “emergent” paradigm to the broader scientific community. 

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar