Abrir menu principal
Devassa
Carro com logotipo da cervejaria
Tipo Cerveja
Fabricante Brasil Kirin
Origem  Brasil
Website www.devassa.com.br

Devassa é a marca de uma cerveja criada em 2002, inicialmente artesanal e em 2007 adiquirida pela Brasil Kirin.

HistóriaEditar

Inventada no Rio de Janeiro, como uma marca artesanal. Assim que adquirida pela Brasil Kirin passaram a produzir a cerveja chamada "Bem Loura" que por sua qualidade extremamente baixa foi descontinuada em 2016 quando a empresa decidiu fazer um reposicionamento da marca, apresentando-a como Tropical Beer, que seria uma melhoria na qualidade do produto que a partir de então seria uma cerveja feita com puro malte.[1][2][3][4][5]

Denominada "Devassa Tropical Lager Puro Malte", a cerveja passou por relevantes mudanças de embalagem e da comunicação.[carece de fontes?] Existem também em Long Necks a Devassa Ruiva, cerveja avermelhada que se aproxima do estilo pale ale; a Devassa Negra, uma dark ale; e a Devassa Sunset, uma cerveja Lager e mais leve.

PolêmicaEditar

Inicialmente foi lançado um teaser intitulado Bem Misteriosa sem revelação da marca nos meios de comunicação.[5]

O primeiro comercial da cerveja "Bem Loura", estrelado pela socialite Paris Hilton, ao som do tema de O Homem do Braço de Ouro de Elmer Bernstein, provocou protestos em grupos de defesa dos direitos das mulheres que foram aderidas pelo Conselho Nacional de Auto-Regulamentação Publicitária (Conar).[3] A campanha publicitária, Devassa Bem Loura, realizada pela agência de propagandas Mood, apresentaram Paris Hilton vestida com um vestido preto que pega uma lata da cerveja da geladeira e passa a lata por seu corpo e sendo observada por admiradores que estão na praia e fotografada por um homem, aparentemente seu vizinho.[3] Para o Conar o comercial fazia apelo sexual.[3] Posteriormente, a propaganda foi removida do ar pelo Conar.[4]

 
Carreta da cervejaria em Campo Maior, Piauí.

O comercial da cerveja foi re-editado e inseriu tarjas pretas na pin-up do rótulo da cerveja, tampando os seios da figura de uma mulher (apesar de estarem vestidos com um top) com tarjas pretas utilizadas para indicar censura.[3]

Garotas propagandaEditar

Na primeira campanha publicitária da cerveja, em 2010, a socialite e modelo norte-americana Paris Hilton foi escolhida como garota propaganda da Devassa. O comercial provocou protestos de grupos feministas e, analisado pelo Conar, foi retirado do ar. Uma versão reeditada foi lançada, com algumas tarjas pretas indicativas de censura. Apesar da repercussão inicial, alguns veículos consideraram que, por Hilton ser conhecida "internacionalmente por escândalos, bebedeiras e uso de drogas", manter a imagem dela ligada à Devassa poderia ser um problema para a marca.[6]

Em 2011, a segunda garota propaganda da cerveja foi a cantora brasileira Sandy,[7] cuja escolha dividiu opiniões devido à imagem de "boa moça" da mesma. No entanto, ela foi considerada um grande acerto e um "tiro certeiro";[6] o administrador Thiago Petrucci escreveu: "[...] a escolha da cantora Sandy, nacionalmente conhecida, com credibilidade e alta popularidade, mostra-se acertada. [...] Na busca pelo impacto e grande repercussão da nova propaganda, a Devassa selecionou uma pessoa pública onde, até então, tem sua imagem vinculada à "garota recatada", calma, certinha, "boa moça". Dessa forma a cervejaria surpreende seus consumidores com o objetivo de demonstrar que todos têm seu lado descontraído. A repercussão da nova campanha publicitária com a Sandy foi enorme. Foi um dos assuntos mais comentados nas redes sociais, colocando a marca Devassa na pauta das conversas dos brasileiros. Enquanto estratégia de marketing, realinhamento da marca, na visão da marca como identidade, identificação do negócio, de como a empresa é vista e sentida no mercado, a escolha da cantora foi um tiro certeiro."[6] Segundo a revista Exame, Sandy recebeu 1 milhão de dólares para estrelar a campanha.[8]

Em 2012, optou-se por um garoto-propaganda, o empresário Hugh Hefner, criador da revista Playboy. Porém, este não compareceu ao camarote da cerveja na Marquês de Sapucaí, sendo representado pelo filho, Cooper Hefner.

Em 2013, a atriz brasileira Alinne Moraes foi escolhida como musa da cerveja e do camarote Devassa para a temporada 2013.[9][10] O mote da campanha foi a "primeira vez com uma Devassa". O comercial também chegou a ser denunciado ao Conar, porém, desta vez, foi absolvido.[11]

Referências

  1. {citar web |url=http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100211/not_imp509602,0.php |publicado=Estadão.com.br |titulo=Paris Hilton faz anúncio da cerveja Devassa |ultimo= |data= |acessodata=12 de março de 2010}}
  2. «Produtos». Devassa. Devassa.com.br. Consultado em 12 de março de 2010 
  3. a b c d e «Tempestade em lata de cerveja». Estadão.com.br. Consultado em 12 de março de 2010 
  4. a b «Altamiro Borges: o 8 de março e a mídia "devassa"». Portal Vermelho. Vermelho.org.br. Consultado em 12 de março de 2010 
  5. a b O Globo. «Schincariol anuncia Paris Hilton como garota propaganda da nova cerveja Devassa». O Globo. Oglobo.globo.com. Consultado em 12 de março de 2010 
  6. a b c Estratégia de marketing acertada: Sandy como garota propaganda da Devassa Administradores.com.br
  7. «Cantora Sandy é nova garota-propaganda da cerveja Devassa». Folhadaregiao.com.br. Arquivado do original em 23 de junho de 2015 
  8. Para Sandy, ser musa da Devassa vale mais de US$1 milhão Exame. Editora Abril
  9. «Nova garota propaganda da Devassa, Alinne Moraes promete arrasar no Carnaval». Terra Networks. Diversao.terra.com.br 
  10. «Alinne Moraes acha estranho assédio como musa de camarote». Terra Networks. Diversao.terra.com.br 
  11. «Comercial da devassa escapa de punição no Conar». Exame.abril.com.br 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Devassa (cerveja)