Duncan McNaughton

Duncan McNaughton (Cornwall, 7 de dezembro de 1910Austin, 15 de janeiro de 1998) foi um atleta e campeão olímpico canadense especializado em saltos.

Duncan McNaughton
campeão olímpico
Atletismo
Modalidade salto em altura
Nascimento 7 de dezembro de 1910
Cornwall, Canadá
Nacionalidade Canadian Red Ensign (1921-1957).svg canadense
Morte 15 de janeiro de 1998 (87 anos)
Austin, Estados Unidos
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Los Angeles 1932 salto em altura

BiografiaEditar

Deixou o Canadá para estudar nos Estados Unidos, onde planejava cursar medicina na University of Southern California. Em seu segundo ano, porém, trocou a carreira por geologia, no que se formaria e trabalharia futuramente, no ramo de exploração de petróleo. Em seu período na universidade, ele se destacou no salto em altura, conquistando o quarto lugar nos I Jogos da Commonwealth, então ainda chamados Jogos do Império Britânico, realizados em 1930 em Hamilton, no Canadá, e foi convocado a integrar a equipe olímpica canadense aos Jogos de Los Angeles 1932.[1] Nesta competição, Duncan foi desclassificado após usar uma técnica não-convencional para o salto, considerada ilegal. Ajudado por seu amigo de universidade Bob Van Osdel, ele mudou sua técnica e tornou-se campeão estadual interuniversitário, com novo recorde da Califórnia.[2]

Em Los Angeles, o favorito da prova era o norte-americano George Spitz, que havia quebrado o recorde mundial em pista coberta com 2,04m e tinha saltado cinco vezes acima de 2 metros em 1932. Mas, durante a prova, Spitz machucou o tornozelo e acabaria apenas em nono lugar. Quatro atletas saltaram a marca de 1,97 m, necessitando um desempate com o sarrafo levantado a 2m; ninguém conseguiu passar e a marca foi abaixada para 1,99 m, novamente não suplantada por nenhum concorrente. Assim, como McNaughton havia sido o único a ultrapassar 1,97m na primeira tentativa, foi declarado campeão olímpico, a primeira vez nos Jogos em que um não-americano conquistou a medalha de ouro desta prova.[3]

Seu colega de universidade Van Osdel, que representava os EUA, depois de ajudá-lo a melhorar sua técnica e aconselhá-lo durante a prova, acabou ficando com a medalha de prata.[2]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Duncan A. McNaughton». AAPG FOUNDATION GRANTS. Consultado em 12 de julho de 2012. Arquivado do original em 28 de setembro de 2007 
  2. a b «Duncan McNaughton». Canada's Sports Hall of Fame. Consultado em 12 de julho de 2012 [ligação inativa]
  3. Evans, Hilary; Gjerde, Arild; Heijmans, Jeroen; Mallon, Bill; et al. «Athletics at the 1932 Los Angeles Summer Games: Men's High Jump». Sports Reference LLC (em inglês). Olympics em Sports-Reference.com. Consultado em 12 de julho de 2012. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2016