Ectomesênquima

Ectomesênquima é um mesênquima derivado das células das cristas neurais que migram para a cavidade oral. Seu nome se deve ao fato de que essas células se originam do ectoderma, mas formam um tecido conjuntivo frouxo e estão localizadas no tecido derivado do mesoderma.[1] Posteriormente em desenvolvimento, o ectomesênquima levará a estruturas mais especializadas dos dentes, como dentina, polpa dentária, cemento, ligamento perialveolar e osso alveolar.[2]

Referências

  1. Hall, Brian K. (2013). Developmental and Cellular Skeletal Biology (em inglês). Cambridge: Academic Press. p. 314. ISBN 9781483267210 
  2. Ferraris, María Elsa Gómez de; Muñoz, Antonio Campos (2009). Histologa, embriologa e ingeniera tisular bucodental (em espanhol). Madrid: Ed. Médica Panamericana. p. 454. ISBN 9786077743019 
  Este artigo sobre Embriologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.