Eleições legislativas na Rússia em 1999

As eleições legislativas na Rússia foram realizadas a 19 de Dezembro de 1999, e serviram para eleger os 450 assentos da Duma[1].

Contexto e análise eleitoralEditar

Estas eleições foram realizadas num contexto de forte instabilidade política na Rússia, em que teve diversos primeiros-ministros, o eclodir da Segunda Guerra na Chechênia e a forte Crise financeira na Rússia em 1998[2]. Neste contexto, a popularidade de Boris Iéltsin, então presidente russo, atingia impressionante níveis de impopularidade, com sondagens a afirmarem que apenas 1% a 2% do eleitorado russo o apoiava[3]. Neste ambiente, o mais recente primeiro-ministro, um desconhecido Vladimir Putin, nomeado no verão de 1999[4], rapidamente cresceu em popularidade, muito pela sua postura na Chechénia e a sua defesa da recuperação da força do Estado Russo.

Com um partido criado pouco antes das eleições, centrado na figura de Putin e com um apoio total dos meios de comunicação, o partido Unidade obteve um resultado espectacular, conquistando mais de 23% dos votos e 73 deputados[5].

O Partido Comunista da Federação Russa voltou a ser o partido mais votado nas eleições ao obter mais de 24% dos votos, mas perdeu mais de 40 deputados em relação às eleições de 1995[5].

Outro partido que teve um resultado abaixo do esperado foi o partido Pátria, liderado pelo popular ex-primeiro ministro,Yevgeny Primakov, e pelo presidente da Câmara de Moscovo, Yury Luzhkov, que se ficou pelos 13% dos votos. Muito deste mau resultado se explica forte campanha contra o partido efectuado pela imprensa pró-Kremlin, que considerava o partido como uma ameaça aos seus interesses[1].

De destacar, por fim, o bom resultado da União das Forças de Direita, outro partido pró-Kremlin, que conseguiu 8,5% dos votos[1].

De realçar, que estas eleições provocaram a primeira maioria não-comunista desde da queda da União Soviética[1].

Resultados OficiaisEditar

Partido Método Proporcional Método Uninominal Total +/-
Votos % +/- Deputados +/- Votos % +/- Deputados +/-
Partido Comunista 16 196 024 24,29  1,99
67 / 225
 32 8 893 547 13,73  0,95
46 / 225
 12
113 / 450
 44
Unidade 15 549 182 23,32 Novo
64 / 225
Novo 1 408 801 2,17 Novo
9 / 225
Novo
73 / 450
Novo
Pátria 8 886 753 13,33 Novo
37 / 225
Novo 5 469 389 8,43 Novo
31 / 225
Novo
68 / 450
Novo
União das Forças de Direita 5 677 247 8,52 Novo
24 / 225
Novo 2 016 294 3,11 Novo
5 / 225
Novo
29 / 450
Novo
Partido Liberal Democrata 3 990 038 5,98  5,20
17 / 225
 33 1 026 690 1,58  4,05
0 / 225
 1
17 / 450
 34
Yabloko 3 955 611 5,93  0,96
16 / 225
 15 3 289 760 5,07  1,80
4 / 225
 10
20 / 450
 25
Comunistas e Trabalhadores 1 481 890 2,22  2,31
0 / 225
  439 770 0,68  1,21
0 / 225
 1
0 / 450
 1
Mulheres da Rússia 1 359 042 2,04  2,57
0 / 225
  326 884 0,50  0,55
0 / 225
 3
0 / 450
 3
Partido dos Pensionistas 1 298 971 1,95 Novo
0 / 225
Novo 480 087 0,74 Novo
1 / 225
Novo
1 / 450
Novo
Nossa Casa - Rússia 790 983 1,19  8,94
0 / 225
 45 1 733 257 2,67  2,96
7 / 225
 3
7 / 450
 48
Congresso das Comunidades 405 298 0,61  3,70
0 / 225
  461 069 0,71  2,23
1 / 225
 4
1 / 450
 4
Movimento de Apoio ao Exército 384 404 0,58 Novo
0 / 225
Novo 466 176 0,72 Novo
2 / 225
Novo
2 / 450
Novo
Bloco Svyatoslav Fyodorov 371 938 0,56 Novo
0 / 225
Novo 676 437 1,04 Novo
1 / 225
Novo
1 / 450
Novo
União Popular de Toda Rússia 245 266 0,37  1,24
0 / 225
  700 976 1,08  0,91
2 / 225
 7
2 / 450
 7
Partido Socialista Russo 156 709 0,24 Novo
0 / 225
Novo 662 030 1,02 Novo
1 / 225
Novo
1 / 450
Novo
Movimento Herança Espiritual 67 417 0,10 Novo
0 / 225
Novo 594 426 0,92 Novo
1 / 225
Novo
1 / 450
Novo
Outros partidos (com menos de 1,00%) 2 355 215 3,52
0 / 225
648 063 0,98
0 / 225
0 / 450
Independentes - 27 877 095 42,98  10,99
105 / 225
 28
105 / 450
 28
Lugares Vagos
1 / 225
1 / 450
Voto Contra Todos 2 198 702 3,32  0,55 7 695 171 11,86  2,01
8 / 225
 8
8 / 450
 8
Votos Inválidos 1 296 992 1 429 799
Total 66 667 682 100
225 / 225
66 295 701 100
225 / 225
450 / 450
Eleitorado/Participação 108 073 956 61,69  2,69 108 073 956 61,34  3,00

Referências

  1. a b c d Pike, John. «Duma Election - December 1999». www.globalsecurity.org. Consultado em 16 de julho de 2018 
  2. «1998 In Review: Russia's Economic Collapse». RadioFreeEurope/RadioLiberty (em inglês). Consultado em 16 de julho de 2018 
  3. Tran, Mark (23 de abril de 2007). «The political highs and lows of former Russian president Boris Yeltsin». the Guardian (em inglês). Consultado em 16 de julho de 2018 
  4. «CNN - Russian Duma confirms Putin as prime minister - August 16, 1999». edition.cnn.com. Consultado em 16 de julho de 2018 
  5. a b Pike, John. «Duma Election - December 1999». www.globalsecurity.org. Consultado em 16 de julho de 2018